Pressão alta: O que é a síndrome do avental branco?


  • +A
  • -A
Imagem do post Pressão alta: O que é a síndrome do avental branco?

Algumas pessoas não gostam de se consultar com médicos nem de permanecer em ambientes hospitalares. Estes pacientes podem sentir tanto medo que passam a evitar a qualquer custo estar diante de um médico. Nesses casos, é preciso que o profissional fique bem atento, especialmente ao aferir a pressão arterial, que pode apresentar valores mais altos, devido ao nervosismo dos pacientes.

Medo de ambientes médicos e hospitalares pode aumentar pressão arterial


É a chamada síndrome do avental ou do jaleco branco. “A hipertensão do avental branco caracteriza-se por valores anormais da pressão arterial no consultório, porém com valores normais registradas pelo monitoramento ambulatorial e residencial”, explica a cardiologista Bruna Baptistini. As variações podem ultrapassar 20 mmHg de diferença para a pressão sistólica e 10 mmHg para a diastólica, ou seja, um paciente com índices normais de pressão pode ser incorretamente diagnosticado como hipertenso.

Para a profissional, identificar que um paciente sofre com a síndrome do avental branco é ainda hoje um desafio para os médicos, já que não há um indicador clínico confiável: “Os mecanismos para explicar a hipertensão do avental branco não são bem estabelecidos, mas incluem ansiedade e respostas de alerta, que geram o aumento da pressão naquele momento. No entanto, os pacientes, muitas vezes, não se apresentam ansiosos ou taquicárdicos no consultório”.

Boa relação entre médico e paciente pode impedir a síndrome


Uma das maneiras de estabelecer o diagnóstico da síndrome do avental branco é uma conversa no consultório. O paciente deve explicar que já teve a pressão medida em casa ou em uma farmácia e que os valores não correspondem aos verificados pelo médico. Caso o paciente esteja nervoso, ansioso ou passando por algum problema, deve explicar a situação ao profissional.

De acordo com Bruna, a melhor maneira de amenizar a ansiedade é aprender a enfrentar o medo de ambientes médicos e hospitalares. “Caso o paciente não se sinta confortável com o atendimento, ele pode procurar outro profissional que provoque uma reação positiva, essencial para uma boa relação entre médico e paciente”, afirma a cardiologista. Outras atitudes que podem ajudar são sempre ir ao médico acompanhado e tirar dúvidas sobre os procedimentos.

Dra. Bruna Cristina Baptistini é cardiologista formada pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e atua em São Paulo. CRM-SP: 145229

Foto: Shutterstock

TAGS
cardiovascular
coracao
medico
pressao-alta
sangue

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

16 comentários para "Pressão alta: O que é a síndrome do avental branco?"

Nelson Bastoni Filho

Comigo acontece ao contrário… quando estou consultando com a cardiologista a pressão está sempre normal – 130×80.Agora quando vou ao INCA doar plaquetas ou sangue a pressão está sempre elevada, e mesmo depois de tomar a medicação para o controle da pressão.Os médicos já sabem desta minha síndrome do jaleco branco e pedem para relaxar e quando fazem outra verificação a pressão está dentro dos limites.

Cuidados Pela Vida

Oi Nelson, o importante é conseguir controlar a pressão e pelo seu relato ela está sempre normal. Também é importante ter a noção que pode tratar-se da síndrome e buscar os meios para reduzir a pressão alterada. Abraços

Janaína

Olá, comigo isso acontece por conta de um trauma no dia do parto do meu primeiro filho, que hj tem 7 anos.No dia do parto a pressão subiu um pouco, e a falta de profissionalismo das enfermeiras do SUS me deixaram muito ansiosa.Hj grávida de 17 semanas, está sendo um desafio esse acompanhamento, pq em casa minha pressão é ótima, mas quando chego ao consultório sempre está alta. Tenho sofrido bastante por isso, pois sei q estou normal, mas estou no pré natal de alto risco. Não sei o q fazer, essa síndrome é muito séria, e poucos entendem.

Cuidados Pela Vida

Olá Janaína, quando você afere a pressão arterial no consultório, ela costuma estar alta ou você só sente que está com pressão alta?
Abraços

Cristiane

Já fui diagnosticada com hipertensão mas quando vou ao posto de saúde minha pressão sempre fica alta já tenho problemas de ansiedade e síndrome do pânico.

Maria Franci Meres Oliveira Melo

Boa tarde!🍂🌷🍂Eu não sabia disso…Fique sabendo hoje, ao visitar um médico, por sinal, um excelente médico…Dr. Pedro Henrique Albuquerque.Obrigada, dr.Abraço

marcos ferreira de Lima

Eu sou marcos de recife sou hipertenso leve quando vou no consultorio medico ela chega a 14 10 14 08 em casa sem a presença do medico ela fica : 12 08 11 07 10 07 09 05 faço atividade fisica tenho um pouco de ansiedade ela altera um pouco mas nao sinto dor na nuca nao sinto coraçao acelerar pela ansiedade, tomo losartana de 50 mg e rivotril de 2 ,5 mg mas estou fazendo desmame dele estou me tratando com uma psiquiatra ela mandou fazer este desmame para controlar a ansiedade e sindrome do panico meu coraçao acelera maos frias minha pressao altera na hora de aferir mas vou terminar o desmame em dezembro dia 28 12 2017 vou esperar a resposta. tenho 45 anos

Roberto batista

Eu tenho esta síndrome.acabei de sair de uma empresa porque minha pressão da dava alta mesmo tomando vários medicamentos.tenho que aprender a viver com isso?

Cuidados Pela Vida

Oi Roberto, de acordo com a Dra. Bruna Cristina Baptistini, a melhor maneira de amenizar a ansiedade é aprender a enfrentar o medo de ambientes médicos e hospitalares. “Caso o paciente não se sinta confortável com o atendimento, ele pode procurar outro profissional que provoque uma reação positiva, essencial para uma boa relação entre médico e paciente”, afirma a cardiologista. Outras atitudes que podem ajudar são sempre ir ao médico acompanhado e tirar dúvidas sobre os procedimentos. Abraços.

Ķebia

Eu tenho a síndrome do jaleco branco,to boa toda,mais quando se fala em aferir,meu Deus,não sei mais parece que o coracao vai sai pela boca e na hora mim falta ar,fora que tem profissional que não passa seguranca

Cuidados Pela Vida

Oi Kebia, o ideal é você explicar a situação ao profissional, pois para a profissional, identificar que um paciente sofre com a síndrome do avental branco é ainda hoje um desafio para os médicos, já que não há um indicador clínico confiável. Abraços.

tania

Bom díaLevo tomando remedio para pressao quase um mes.Fui al médico e minha pressao estava 16/10.É me paso remedio para tomar mais quando vejo a presao en casa esta normal sempre tive a pressao de 12/8.Fiz exames e nao tenho alterado trigliceres 77; colesterol 160; glicose 98; hormonas 1.1;ácido úrico 4.4;sodio 139. en fin nasa q justifique minha pressao alto .En casa estou sempre verificando e esta normal e agora com o comprimento baixou ainda mais.E tem dias q fico mau com dor no braco esquierdo é formigamento maos dedos da mao.,acordó de noite com dor nos olhos minha pressao tem dias q esta 9/7 e 10/6.

Cuidados Pela Vida

Oi Tania, retorne com o médico que prescreveu o medicamento e relate para ele os sintomas que você tem apresentado, assim ele poderá verificar se há necessidade de manutenção no tratamento prescrito. Abraços.

Daniel

Acabei de ir no medico e ele me disse que talvez eu tenha isso me passou um MAPA para diagnosticar, pois tenho 18 anos e tenho alguns problemas com ansiedade, sempre que me preocupo com algo ou penso que vou medir a pressao (tanto em casa quanto no consultorio) sinto minha frequência cardíaca aumentar, as vezez nao preciso nem medir a pressao, mas só de pensar que vou sinto o coração acelerar ou quando penso em algo que me preocupo. Pois so de pensar que posso ser hipertenso (ainda nao fiz o MAPA) ja fico desesperado.

Cuidados Pela Vida

Oi Daniel, tente manter a calma e explique a situação ao profissional quando você for fazer o exame, assim ele poderá te orientar da melhor forma possível. Abraços.

Nicolas

Tenho a síndrome do jaleco branco, mas não são médicos ou hospitais que fazem minha pressão aumentar, é o medidor de PA. Tudo começou em uma avaliação física de academia, no dia havia esquecido da tal avaliação, lembrei uma hora depois e fui avisado que caso faltasse iria pagar uma multa, fui para a academia correndo, sob efeito de cafeína e preocupado de pagar multa, cheguei lá e o profissional estava lá ainda e fomos fazer a tal avaliação, logo ele mediu minha pressão e deu alterada 14 por algo.. Ai mesmo eu contando todos os fatos que citei, o instrutor afirmou que cafeína não aumentava a pressão arterial, e mais umas coisas que me deixou com medo, aí fiz uma bateria de exercícios e no fim ele mediu de novo, resultado foi 15 por algo. Fiquei muito desesperado, sou ansioso, nada patológico, mas tenho pensamentos fixos quando surgem problemas… Resolvi ir no cardiologista, ele mediu a pressão e deu alterada, mesmo em repouso, ai ele pediu uma bateria de exames, um deles correndo na esteira, outro fiquei com um dispositivo que media a PA sozinho durante 24hrs e outro um exame no coração, resultado: PA normal, 12/8, nenhum problema cardíaco também, mesmo assim o trauma foi tanto que não consigo nem pensar em medir pressão que meu coração já pula pela boca. Só alertando o pessoal pois profissionais ruins aferindo pressão podem causar estes problemas. Hoje dia, com exames para ser contratado, concursado, etc. É exigido mostrar e as vezes fazer todos estes exames de novo só para mostrar que é síndrome do jaleco branco e não hipertensão de fato.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.