Lisina: como age essa substância, usada no tratamento e controle do herpes?

  • +A
  • -A

O tratamento do herpes depende muito que você mantenha hábitos saudáveis de vida, especialmente na alimentação, pois uma dieta de qualidade, rica em substâncias importantes, poderá ajudar a controlar o problema. A lisina é a principal dessas substâncias, contribuindo não apenas para o tratamento, mas também para a prevenção da doença.

A lisina é um aminoácido essencial que pode auxiliar no tratamento e, principalmente, na prevenção das crises de herpes. Ela inibe indiretamente a replicação do vírus HSV-1, causador do herpes labial. Isso acontece porque ela compete com a arginina, um aminoácido vital para a replicação desse vírus”, explica a dermatologista Karina Lopes.

Principais fontes de lisina


A maioria das pessoas consome
quantidades adequadas de lisina por meio da dieta, estando ela presente em altos níveis em alimentos como ovos, carnes, peixes, frangos, legumes, queijos e leite. “Além da dieta, você pode encontrar a lisina em alguns suplementos alimentares, e em medicamentos (cloridrato de lisina)”.

Outros fatores favorecem o surgimento do herpes, além de uma dieta que não contempla os alimentos já citados. Estresse, exposição excessiva ao sol e doenças associadas são alguns exemplos. Se você busca ter uma alimentação rica em lisina e outros nutrientes importantes, mas mesmo assim não consegue obter o suficiente no organismo, deve apostar em suplementos.  

Tratamento do herpes com lisina


“A principal indicação do tratamento medicamentoso com lisina é a profilaxia de lesões naqueles pacientes com herpes recidivante. Nesses casos, o medicamento em geral é administrado por períodos mais prolongados, respeitados os efeitos colaterais e as indicações, sempre com acompanhamento de um médico dermatologista. Com isso, pode auxiliar na redução da duração e frequência das crises, assim como na atenuação dos sintomas”.

Dra. Karina Lopes é médica formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), graduada em dermatologia pela  Universidade de São Paulo (USP) e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). CRM: 157665

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Karina Lopes

Dra. Karina Lopes

Dermatologia

CRM: 157665 / SP

TAGS
herpes
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

6 comentários para "Lisina: como age essa substância, usada no tratamento e controle do herpes?"

teresinha

BOM DIA , TENHO HERPES DESDE CRIANCA…MINHA MAE DIZIA Q ERA COBREIRO…VIVIA M BENZENDO KKK. E POSSIVEL MANDAR MANIPULAR LISINA? TENHO TB HERPES ZOSTER….A VIDA INTEIRA M INCOMODOU.??? TEM UMA DOSAGEM D LISINA MANIPULADA?

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Teresinha, para iniciar o tratamento medicamentoso é de extrema importância que você busque ajuda de um profissional capacitado o dermatologista é o especialista mais indicado para que ele indique os medicamentos mais adequados para você. Até breve.

Ana

Quanto tempo leva pra hepres sumir da pele com o aciclovir?

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Ana. O período em que as lesões na pele causadas pela Herpes permanece, vai depender de cada paciente e se o tratamento prescrito foi seguido sem nenhuma intervenção. Recomendamos a leitura da seguinte matéria: https://cuidadospelavida.com.br/especiais/hora-h/qual-e-o-impacto-causado-pelas-crises-de-herpes. Abraços!

Cris

A lisina TB serve para herpes genital ? Agradeço.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Cris. Sim, a dermatologista Juliana Fonte esclarece que a lisina é considerada um dos oito aminoácidos essenciais e exerce um papel importante no tratamento da infecção. A substância antagoniza um outro aminoácido, a arginina, que favorece a reprodução do vírus. O que a lisina faz é atuar para impedir essa reprodução, diminuindo a duração da doença. Uma das funções da lisina é participar da reparação de tecidos, estimulando seu crescimento por meio da síntese dos hormônios do crescimento e auxiliando na produção de anticorpos que irão combater o vírus do herpes. Você pode encontrar essas informações nesta outra matéria: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/herpes/quanto-tempo-duram-as-feridas-do-herpes-durante-o-tratamento-com-lisina. Abraços!

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.