Herpes ocular: você sabia que o herpes pode causar infecções no olho?

  • +A
  • -A

O herpes é uma infecção viral bastante frequente entre a população. Entre os tipos de herpes mais comuns estão o herpes labial e o herpes genital, que afetam a área em volta dos lábios e a região da genitália, respectivamente. Mas, existe também o chamado herpes ocular, que surge quando o vírus chega no olho e provoca sintomas bem desagradáveis. Continue lendo para saber mais sobre essa infecção.

Herpes ocular: sintomas envolvem vermelhidão e irritação


“O herpes ocular é uma infecção no olho causada pelo vírus herpes simples e o herpes-zóster (o mesmo que causa a catapora). Os sinais e sintomas podem ser variáveis, como lesões palpebrais, visão embaçada, vermelhidão e irritação ocular, sensibilidade à luz, sensação de areia nos olhos, dor ocular e inchaço nas pálpebras”, afirma a oftalmologista Rafaela Maluf. 

Por causa dos sintomas, o herpes no olho pode ser confundido com um quadro de conjuntivite. De qualquer forma, é importante procurar ajuda médica para receber o diagnóstico e iniciar o tratamento, especialmente porque podem surgir complicações. “Se não tratado de forma correta, o herpes ocular pode ocasionar perda visual e até perfuração ocular, em casos mais graves”, alerta a especialista. 

Além disso, uma manifestação comum do herpes ocular é a ceratite herpética, quando o vírus provoca uma lesão na córnea que pode resultar em uma cicatriz. Como consequência, segundo Dra. Rafaela, pode haver uma piora na visão do paciente e, mais raramente, uma perfuração. Pode também afetar a íris e levar ao desenvolvimento de glaucoma, catarata e outras úlceras mais severas. 

É possível evitar o herpes no olho? Como tratar a infecção? 


Como formas de
prevenção ao herpes ocular, a médica indica lavar sempre as mãos, não compartilhar objetos de uso pessoal e higienizar corretamente as lentes de contato. É importante também evitar o uso de colírios de corticoide sem orientação oftalmológica, o que pode predispor ou agravar o quadro, em alguns casos. 

Já para o tratamento, Dra. Rafaela lembra que o herpes é um vírus para o qual não há cura“A partir de seu contágio, o vírus fica adormecido no nosso corpo e suas manifestações estão associadas a alterações da imunidade. Por isso, é importante tentar manter a imunidade boa e alguns cuidados para prevenir recidivas. Porém, podemos tratar as lesões decorrentes e as medicações serão definidas de acordo com o local, extensão e estágio da doença”. 

“O tratamento do herpes ocular pode ser realizado com antivirais orais e/ou em forma de pomadas, associados com outras medicações para alívio dos sintomas. Em casos de úlceras corneanas, são utilizados colírios antibióticos para evitar infecção bacteriana secundária”, afirma a oftalmologista.

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Rafaela Maluf

Dra. Rafaela Maluf

Oftalmologia

CRM: 30697 / PR

TAGS
herpes

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

1 comentário para "Herpes ocular: você sabia que o herpes pode causar infecções no olho?"
Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.