Esquizofrenia: por que algumas drogas podem desencadear a doença?


  • +A
  • -A

Ouvir vozes, sofrer com falta de motivação e ter dificuldades para falar e demonstrar afeto são apenas alguns dos sintomas da esquizofrenia, um grave distúrbio psiquiátrico. Sabe-se que o histórico familiar e má nutrição do bebê na barriga da mãe são importantes fatores de risco, mas o uso de drogas também tem sido apontado como um fator que influencia o desenvolvimento do transtorno.

Álcool e maconha estão entre as drogas mais associadas à esquizofrenia


“O uso isolado de drogas não desencadeia a esquizofrenia, porém, aumenta em mais de duas vezes a chance de apresentar um quadro psicótico crônico em pessoas com vulnerabilidade, principalmente a maconha”, explica o psiquiatra Alexandre Proença. Entre as drogas, um estudo feito pela Universidade de Copenhague, na Dinamarca, destacou também o
consumo de bebidas alcoólicas como fator de risco.

Nestes casos, o mais importante é se prevenir. Os pacientes devem receber informações sobre os malefícios que o uso das drogas pode provocar, especialmente em pacientes com esquizofrenia. Já em situações em que a pessoa é viciada em determinada substância, é importante ter o apoio da família e receber orientações sobre como tratar o vício.

Consumo de drogas aumenta frequência de surtos de esquizofrenia


De acordo com o médico, o uso de drogas por pacientes que já têm o transtorno pode piorar os sintomas e dificultar o tratamento: “O uso de drogas é a comorbidade mais comum em pacientes esquizofrênicos. Essa associação piora e muito o prognóstico da doença, aumentando o número e a gravidade das crises, aumentando o tempo de internação, as taxas de recaídas, infecções, violência e suicídio e diminuindo a adesão ao tratamento”.

A solução para esse problema é combater o consumo de drogas e, ao mesmo tempo, a esquizofrenia, com o tratamento prescrito por um especialista. O psiquiatra poderá indicar o uso de medicações antipsicóticas e de outros tipos, em associação a terapias, como a psicoterapia. Uma equipe multidisciplinar deverá acompanhar o paciente para melhorar seu convívio em sociedade e garantir que seu corpo trabalhe da forma mais adequada possível.

Dr. Alexandre Proença é psiquiatra, membro da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) atende em Niterói e São Gonçalo (RJ). CRM-RJ: 52905674 – www.alexandreproenca.com.br

Foto: Shutterstock

TAGS
esquizofrenia
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

3 comentários para "Esquizofrenia: por que algumas drogas podem desencadear a doença?"

Fabio nobre lima

Eu usei todos tipos de drogas e bebia varios tipos de bebidas hoje eu estou pagando um alto preço tenho falta de memoria não comsigo mas dormi tenho muito pesadelos e etc……..

Cintia

Tenho um irmão 20 anos de idade desapareceu por 7 dias foi encontrado em surto descobrimos que tinha usado cocaína foi levado ao médico não quis fazer tratamento hoje ele tem surtos as vezes não come não dorme aí levamos ao médico foi constatado a doença mas não sei se foi pelo uso de drogas ou se já tinha antes pois ele nunca foi muito social fala pouco agora menos ainda preciso de ajuda

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Cintia, segue o link de uma de nossas matérias com informações para você: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/esquizofrenia/esquizofrenia-causa-especifica
Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.