Qual é o tratamento para quem sofre com o cotovelo de tenista?


  • +A
  • -A
Imagem do post Qual é o tratamento para quem sofre com o cotovelo de tenista?

As lesões mais comuns em tenistas são aquelas que ocorrem no cotovelo e justamente por isso existe o termo cotovelo de tenista. Este quadro acomete não apenas os praticantes desta modalidade esportiva, mas também todos aqueles que costumam realizar movimentos repetitivos com os braços e pulsos.

O cotovelo de tenista é o nome vulgar para epicondilite lateral de cotovelo. Menos de 5% dos portadores desse problema realmente jogam tênis”, informa o ortopedista Guilherme Maretti. A dor é o principal sintoma do problema e se manifesta, mais especificamente, na parte externa do cotovelo, por vezes no antebraço e no pulso.

 

Tratamento, prevenção e origem do cotovelo de tenista

 


O tratamento do cotovelo de tenista se baseia em repouso, uso de analgésico e fisioterapia. Casos graves podem exigir cirurgia. Junto do repouso, a aplicação de gelo também é bem-vinda.
Analgésicos e antiinflamatórios são usados para amenizar a dor. Já a fisioterapia promove o alongamento e o fortalecimento dos músculos, especialmente os do antebraço. “Para prevenir o surgimento, deve-se manter rotina de exercícios físicos e alongamentos”, completa Maretti.

Esta condição se origina nos tendões locais, quando estes já estão sobrecarregados em função da repetição de movimentos de braço e punho. “É um processo degenerativo (tendinopatia) na origem do tendão extensor radial curto do carpo que ocorre devido a movimentos repetitivos e esforços além do limite do tecido. Faz parte da categoria LER (lesão por esforço repetitivo)”, explica o especialista.

 

Sintomas do cotovelo de tenista

 


Outros sinais do cotovelo de tenista, além da dor, podem ser a fadiga, fraqueza muscular, inchaço e sensibilidade. É possível que o paciente apresente dificuldade para realizar ações simples, como apertar as mãos, segurar objetos, digitar e escrever. “
Os sintomas são basicamente dor bem localizada no epicôndilo lateral do cotovelo, com aumento do esforço e limitação funcional”.

 

Dr. Guilherme Maretti Franco de Campos é ortopedista formado pela Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES) e atua em Mogi Mirim (SP). CRM-SP: 135610

 

Foto: Shutterstock

TAGS
artrite
dores-no-corpo
ossos

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

7 comentários para "Qual é o tratamento para quem sofre com o cotovelo de tenista?"

Neusa

Tenho epondilite e não estou tomando nenhum medicamento e estou com dor local qual medicamento posso tomar para aliviar ou curar a epondilite.Obrigado

Cuidados Pela Vida

Olá Neusa, devido a recomendação da Anvisa não podemos receitar nenhum medicamento.

MARA

Eu tenho problema com artrose, estou conseguindo passar quase sem dor tomando ARTOLIVE 500 mg, mas nem todos podem tomar, tem q ter acompanhamento médico.

Jorge

Boa tarde! Fui diagnosticado com este problema no braço, o médico passou dez sessões de fisioterapia. Mas, consigo fazer meus exercícios normalmente, não seria o caso de aumentar o alongamento e não precisar fazer as sessões? Dói um pouco mas não chega a impedir que eu faça academia três vezes por semana.

Cuidados Pela Vida

Oi Jorge, é muito difícil recomendar algum outro tratamento se o médico já indicou fisioterapia. Você pode procurar uma segunda opinião de outro especialista, mas geralmente os médicos têm razão na indicação do tratamento. Abraços.

Irene Tatit

Há uns 5 anos atrás, fui diagnosticada com epicondilite lateral e LER, mas o médico que me atendeu não me receitou remédio nenhum, somente fiz um exame eletroneuromiografia e nada, depois disso começou uma inflamação no túnel do carpo, e até hoje não fui medicada e sofro muito com dores, nos braços e mãos!!!

Cuidados Pela Vida

Oi Irene, verifique com o médico que a acompanha de que forma os seus sintomas podem ser minimizados. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.