Quais são as principais complicações clínicas da osteoporose?


  • +A
  • -A

A osteoporose se estabelece quando há uma perda significativa e progressiva de massa óssea tornando os ossos cada vez mais frágeis. Sendo assim, a principal consequência deste quadro é a ocorrência de fraturas. De acordo com a Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, a osteoporose provoca fraturas em 60% das mulheres e 30% dos homens acima dos 60 anos de idade. 

Cuidados para evitar quedas e fraturas


“As principais complicações clínicas da osteoporose são as fraturas, devido à fragilidade dos ossos,
e suas consequências sistêmicas”, afirma o geriatra Ricardo Komatsu. “Para evitá-las, é necessário prevenir ou tratar a osteoporose”, orienta o médico. Além disso, também é importante que o idoso adote alguns cuidados em seu dia a dia para evitar quedas. 

O banheiro é o local da casa onde o idoso costuma cair com mais frequência devido ao chão molhado e ao pouco espaço. Sendo assim, vale apostar em barras de apoio e tapetes antiderrapantes – que também podem ser instalados em outros cômodos. Bengala, cadeira de rodas, ter sempre um cuidador por perto são outros cuidados que podem ser necessários, dependendo das necessidades do paciente. 

Diagnóstico e tratamento da osteoporose


A melhor forma de evitar fraturas é
ter o diagnóstico da doença logo no início e começar em seguida o tratamento. O problema é que a osteoporose não cursa com sintomas aparentes no começo, então o indicado é fazer o exame de densitometria óssea para saber a situação da sua massa óssea, principalmente quando estiver perto de chegar na velhice.

O tratamento contra osteoporose se baseia no uso de medicamento específico capaz de retardar o processo de perda de massa óssea. Também é muito importante que o paciente consuma em níveis adequados nutrientes importantes para a saúde e fortalecimento dos ossos, como cálcio e vitamina D – tanto por meio da alimentação quanto de suplementos, dependendo da indicação.   

 

Dados da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia: https://sbgg.org.br/osteoporose-a-doenca-silenciosa/

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Ricardo Komatsu

Dr. Ricardo Komatsu

Geriatria

CRM: 56604 / SP

TAGS
ossos
osteoporose

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "Quais são as principais complicações clínicas da osteoporose?"

Maria de Fátima dos Santos Matrone

Tenho osteoporose, os medicamentos usados podem ter complicações no futuro? Me preocupo com isso.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Maria. É preciso ver quais são os produtos utilizados e qual o tratamento oferecido, portanto aconselhamos que verifique junto ao médico com quem está realizando o acompanhamento, pois ele conseguirá acalma-la quanto a essa dúvida. Desejamos progresso em seu tratamento. Abraços!

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.