Artrose nas mãos: o esforço repetitivo pode causar a doença?


  • +A
  • -A

A artrose, atualmente conhecida como osteoartrite, é um problema que atinge as articulações do corpo, causando o desgaste da cartilagem responsável por seu revestimento e podendo levar a alterações nos ossos das regiões atingidas. A condição também é chamada de osteoartrite e tende a comprometer progressivamente o corpo.

Artrose nas mãos e dedos pode ser causada por diversos fatores


Existem diversas causas para a artrose. O esforço repetitivo, como digitar no computador ou tocar um instrumento, fazem aumentar as chances de ter a doença, mas não é capaz de provocar seu surgimento sozinho. “O esforço repetitivo pode ser um dos fatores coadjuvantes, mas geralmente, o paciente tem uma predisposição genética para desenvolver a artrose”, afirma o ortopedista Paulo Roberto Dias dos Santos.

O esforço repetitivo é, muitas vezes, classificado como uma questão relacionada ao trabalho, em que o organismo não está adaptado à realização de uma tarefa, mas também pode ser resultado de uma atividade de lazer. São movimentos executados repetidamente a ponto de causar lesões e sobrecargas nos músculos e nos ossos.

Como evitar artrose nos dedos e na mão?


Mesmo que não seja uma causa imediata da artrose, é importante eliminar esse fator de risco por meio da prevenção. “A prevenção é possível conforme o caso como, por exemplo, usar equipamentos de proteção adequados, como luvas especiais em trabalhadores que usam britadeiras”, alerta o médico. Devem ser realizados turnos de trabalhos com menor duração e alternados com períodos de descanso ou execução de outras atividades.

Para quem passa o dia em escritórios, a postura na mesa de trabalho é fundamental para evitar lesões causadas pelo esforço repetitivo. Mantenha a coluna totalmente encostada na cadeira, os pés apoiados no chão e deixe o monitor abaixo da linha de visão. Além disso, faça pausas ao longo do expediente para beber água, movimentar o corpo e descansar os dedos da digitação. O repouso é importante. 

 

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Paulo Roberto Dias dos Santos

Dr. Paulo Roberto Dias dos Santos

Ortopedia e Traumatologia

CRM: 33269 / SP

TAGS
ossos
osteoartrite

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

4 comentários para "Artrose nas mãos: o esforço repetitivo pode causar a doença?"

undefined

Tenho tendinite e burcite nos exames de ultrasom deu astrose posso entrar com ima ação judicial depois de já ter ganho uma causa de tendinite e burcite.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, existem diversas causas para a artrose. O esforço repetitivo, como digitar no computador ou tocar um instrumento, fazem aumentar as chances de ter a doença, mas não é capaz de provocar seu surgimento sozinho. Ao realizar uma consulta com o médico do trabalho, ele poderá te orientar em como proceder no seu caso. Abraços.

Rita de Cassia Carvalho de Almeida

Minha mão direita está inchada,nódulos nos dedos,muita dor,tenho a síndrome do túnel do carpo,muita dificuldade para escrever e realizar outras atividades,muitas câimbras.No exame deu artrose.Qual o tratamento?Minha grande preocupação é com minha profissão,sou professora e estou sentido dificuldade para trabalhar.Tenho 60 anos e já tive reumatismo,que me deixou com uma deficiência na válvula mitral. OBRIGADA.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Rita. A artrose, também conhecida como osteoartrite ou osteoartrose, é uma doença degenerativa crônica que afeta as cartilagens, estruturas que impedem o atrito entre os ossos, especialmente nas articulações. Não é possível afirmar que a artrose tem cura, mas, mas o tratamento adequado é capaz de amenizar os sintomas e retardar o avanço do desgaste. O quadro pode se estabelecer em pessoas de todas as idades, mas é mais comum a partir dos 50 anos, resultado do desgaste natural do corpo. Para a indicação do tratamento mais adequado para você é crucial uma consulta presencial com o reumatologista. Até breve.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.