Depressão no trabalho: qual é a melhor maneira de lidar com um funcionário?


  • +A
  • -A

Talvez um dos maiores inconvenientes da depressão seja o fato dos pacientes precisarem lidar com os sintomas incômodos da doença até mesmo nos momentos em que mais precisam ter atenção e cuidado, como no trabalho. A obrigação de produzir e ter o mesmo rendimento estando em condições psicológicas e emocionais abaladas  é algo bastante complicado e, por isso, é importante a sensibilidade dos chefes e colegas de trabalho.

“A compreensão e apoio dos colegas e superiores do funcionário são vitais para a sua recuperação. Como em qualquer transtorno mental, o preconceito e a falta de sensibilidade das pessoas para com o paciente podem agravar os sintomas e piorar o prognóstico do paciente, dificultando sua recuperação e prolongando o sofrimento. Como consequência, isso afeta negativamente sua capacidade de trabalho”, aponta o psiquiatra Rafael Hackbart.

Apoio dos colegas ao funcionário com depressão repercute na sua produtividade


Na opinião do médico,
se um funcionário apresenta sinais que levantam a suspeita de estar com depressão, a melhor conduta de seus superiores seria aconselhá-lo e incentivá-lo a buscar uma avaliação com um psiquiatra e um psicólogo para que, se for necessário, o tratamento seja iniciado o quanto antes.

Essa demonstração de preocupação e solidariedade dos demais funcionários é importantíssima não apenas para que o paciente se sinta “abraçado”, mas também para que ele possa se engajar a melhorar e assim não ter o rendimento comprometido pela doença. “O funcionário com depressão pode apresentar desmotivação e irritabilidade, além da sensação de profundo esgotamento físico e mental, que podem afetar sua capacidade de trabalhar e se relacionar com os seus colegas”.

Ambiente de trabalho também está ligado a outros transtornos


O psiquiatra menciona também um outro tipo de transtorno mental comum no ambiente de trabalho que é a síndrome de burnout ou síndrome do esgotamento profissional. Trata-se de um tipo de estresse avançado que pode acometer profissionais de diversas áreas. “Este é um diagnóstico complexo, que
apresenta vários sintomas semelhantes aos da depressão e causa importantes repercussões na vida pessoal e profissional do paciente. Deve, portanto, ser identificado e tratado o quanto antes”.

Dr. Rafael Hackbart é médico psiquiatra formado em medicina pela Universidade Federal do Paraná. Possui especialização em psiquiatria pela Residência Médica em Psiquiatria de São José dos Pinhais. CRM PR 27746

Foto: Shutterstock

TAGS
depressao
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Depressão no trabalho: qual é a melhor maneira de lidar com um funcionário?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.