Depressão no trabalho: qual é a melhor maneira de lidar com um funcionário?

  • +A
  • -A

Talvez um dos maiores inconvenientes da depressão seja o fato dos pacientes precisarem lidar com os sintomas incômodos da doença até mesmo nos momentos em que mais precisam ter atenção e cuidado, como no trabalho. A obrigação de produzir e ter o mesmo rendimento estando em condições psicológicas e emocionais abaladas  é algo bastante complicado e, por isso, é importante a sensibilidade dos chefes e colegas de trabalho.

“A compreensão e apoio dos colegas e superiores do funcionário são vitais para a sua recuperação. Como em qualquer transtorno mental, o preconceito e a falta de sensibilidade das pessoas para com o paciente podem agravar os sintomas e piorar o prognóstico do paciente, dificultando sua recuperação e prolongando o sofrimento. Como consequência, isso afeta negativamente sua capacidade de trabalho”, aponta o psiquiatra Rafael Hackbart.

Apoio dos colegas ao funcionário com depressão repercute na sua produtividade


Na opinião do médico,
se um funcionário apresenta sinais que levantam a suspeita de estar com depressão, a melhor conduta de seus superiores seria aconselhá-lo e incentivá-lo a buscar uma avaliação com um psiquiatra e um psicólogo para que, se for necessário, o tratamento seja iniciado o quanto antes.

Essa demonstração de preocupação e solidariedade dos demais funcionários é importantíssima não apenas para que o paciente se sinta “abraçado”, mas também para que ele possa se engajar a melhorar e assim não ter o rendimento comprometido pela doença. “O funcionário com depressão pode apresentar desmotivação e irritabilidade, além da sensação de profundo esgotamento físico e mental, que podem afetar sua capacidade de trabalhar e se relacionar com os seus colegas”.

Ambiente de trabalho também está ligado a outros transtornos


O psiquiatra menciona também um outro tipo de transtorno mental comum no ambiente de trabalho que é a síndrome de burnout ou síndrome do esgotamento profissional. Trata-se de um tipo de estresse avançado que pode acometer profissionais de diversas áreas. “Este é um diagnóstico complexo, que
apresenta vários sintomas semelhantes aos da depressão e causa importantes repercussões na vida pessoal e profissional do paciente. Deve, portanto, ser identificado e tratado o quanto antes”.

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Rafael Hackbart

Dr. Rafael Hackbart

Psiquiatria

CRM: 27746 / PR

TAGS
depressao
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

3 comentários para "Depressão no trabalho: qual é a melhor maneira de lidar com um funcionário?"

Geciane Mendes

entendo quando vocês falam da sensibilidade do chefe, mas por favor como lidar com um funcionário que não melhora e afeta o desempenho do restante da equipe

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Geciane. Para não afetar o rendimento da equipe, o funcionário que está com depressão, tem que se sentir acolhido pela equipe e também motivado a procurar ajuda médica, pois quando o paciente estiver em tratamento sua melhora vai acontecendo aos poucos. Abraços!

Eduardo

Fui mandado embora por justa causa nao conseguia ir trabalhar minha chefe falava pros polícia ficar de olho em mim no mercado fiquei desmotivado ficava falando de mal jeito comigo e ficava falando mal de mimpra todos fui promovido pra esse setor e nao tive paz no setor que eu estava nao faltava era um funcionário exemplar nao chegava atrassado e nem nada so quando fui pra esse setor que comecei a me sentir mal na empresa minha chefe nao gostava de mim

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.