O que é depressão psicótica? Saiba mais sobre sintomas e tratamento!

  • +A
  • -A

A depressão é uma das doenças psiquiátricas mais conhecidas e faladas atualmente. É marcada principalmente pelo desânimo, pessimismo e pela sensação de tristeza profunda. No entanto, existe um tipo da doença em que os pacientes não apresentam apenas sintomas depressivos. É a chamada depressão psicótica.

Depressão psicótica provoca delírios e alucinações


“A depressão psicótica é uma forma grave de depressão e aparece nos transtornos depressivos, tanto no unipolar quanto no bipolar”, afirma a psiquiatra Ana Paula Bechara. O tipo unipolar é o mais clássico e frequente, enquanto a depressão bipolar é uma forma que se desenvolve junto ao
transtorno bipolar.

“Ela é manifestada por meio dos sintomas depressivos, que são acompanhados dos sintomas psicóticos, como delírios e alucinações“, diz a médica. Quem é diagnosticado com a depressão psicótica pode ouvir vozes e ver pessoas que não existem. Muitos pacientes acreditam estarem sendo ameaçados e perseguidos e é difícil convencê-los do contrário.

Medicações e terapia fazem parte do tratamento da depressão psicótica


O tratamento da depressão psicótica vai depender do diagnóstico. “Se é uma depressão psicótica ligada ao transtorno afetivo bipolar, geralmente, além do uso de antidepressivo e antipsicótico
é necessário também o estabilizador de humor. Se for ligada à depressão maior, que é a depressão unipolar, trata-se com antidepressivo e antipsicótico”, diz a profissional.

Os psiquiatras costumam indicar ainda terapias para o tratamento da depressão psicótica, já que é muito importante tratar a parte psicológica também: “Eu sempre associo terapia para os meus pacientes, exceto nos casos muito graves, em que a gente precisa tirar o depressivo da fase aguda para depois começar a terapia”, relata Ana Paula.

Dra. Ana Paula Bechara Marquezini Gazolla é psiquiatra com residência médica pelo Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (MG). CRM-SP: 165290

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Ana Paula Bechara

Dra. Ana Paula Bechara

Psiquiatria

CRM: 165290 / SP

TAGS
depressao
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

15 comentários para "O que é depressão psicótica? Saiba mais sobre sintomas e tratamento!"

Margareth

Meu pai de 95 anos está sofrendo com esta doença. Se sente o pior dos homens…Está sendo perseguido, ouve vozes, mandam -no fazer besteira, dar dez voltas em volta da mesa para ser perdoado, etc…

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Margareth, leve-o para uma consulta com o psiquiatra, assim ele poderá prescrever o tratamento adequado para o controle dos sintomas. Melhoras para seu pai.

Kenia

Olá, minha mãe, agora com 72 anos, tem lutado quase q a vida inteira contra depressão. Cresci acompanhado todos os alto e baixos. A falta de informação por parte de médicos, a troca de incontáveis remédios e estabilizadores de humor e tals. Sem ter encontrado de fato uma cura. Acho que não há cura. Com o peso dos anos e da vida e dos sentimentos desencontrados ela só tem piorado. O mais recente diagnóstico é o de Cortard, que creio estar associado com depressão psicótica. Nada é bom. Ela não sorri e se ofende se o resto da família ri ou fala positivamente. Gargalhar nem pensar. E acabamos todos doentes de alguma forma.

Sonia Maria Campos

Excelente informação. Reside comigo uma sra. q. é portadora da doença de Parkinson e a mesma vem apresentando ‘crises” psiquiátricas, nas quais a mesma passa a ver pessoas, conversa com elas e vivencia situações imaginárias. Na última crise chegou a dizer que sofria maus tratos. Vou conversar com a neurologista sobre esta forma de depressão q eu não conhecia. Grata

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Sonia, continue por aqui para ter acesso a essas e outras informações. Abraços.

Oziel

Bom dia, se pensarmos em remédios nao existe cura, so ameniza. Mas essa doença não é do corpo é espiritual, pode correr de psiquiatra em psíquiatra trocar de remédios não resolve. So tem um jeito mudar isso, Deus acima de tudo, terapia comportamental cognitiva, procure se ocupar com o que goste se envolva com alguma coisa….não sou medico mas tenho uma Pessoa em casa que sofre também….

Ivani

Olá, gostaria de saber no que a depressão psicótica se difere da psicose propriamente dita, já que os sintomas (delírios e alucinações)são os mesmos?Como afirmar que se trata de depressão psicótica e não de esquizofrenia?

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Ivani, segue o link de uma de nossas matérias com informações para você: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/esquizofrenia/transtornos-mentais-confundidos-esquizofrenia
Abraços.

Maria Vaz

Tenho depressão desde pequena.Sou professora e a profissão é desgastante, mas o contato com alunos, pais e colegas me ajudou muito.Fui feliz e tive sucesso na profissão. Hoje, estou aposentada.Iniciei meu tratamento em 2012.Estou bem e a minha fé tem me ajudado muito

VALDEMIRO JÚNIOR

EU SINTO QUE ME PERSEGUEM SIM,ESTOU FAZENDO USO DE CARBONATO DE LÍTIO 450 MG,EXODUS 15MG,E RIVOTRIL SUBLINGUAL DE 0,25 MG ,ME SINTO CANSADO E ESTOU MUITO PESSIMISTA,AS VEZES DA VONTADE DE SUMIR NO MUNDO E JÁ ESCREVI MINHA CARTA DE DESPEDIDA CDESTE MUNDO.TENHO ME TRATADO COM A PSIQUIATRA E COM MEU PSICÓLOGO,MAS AS VEZES DA UMA SENSAÇÃO DE VAZIO E SOLIDÃO QUE NÃO CONSIGO DESCREVER. CHORO MUITO E DO NADA AS VEZES,. DE VEZ EM QUANDO OUÇO ALGO DIZER”VAI DAR TUDO ERRADO” “VOCÊ É O CULPADO POR TUDO ISSO” E AINDA SOU CHAMADO DE DIODO POR MINHA CONJUGUE. SITUAÇÃO DIFÍCIL MESMO!!

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Valdemiro, momentos como esse são complicados mesmo! O importante é não desistir do tratamento, em casos de dúvidas consulte o seu médico. Tenho outra matéria que pode ser de seu interesse: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/depressao/quais-profissionais-tratamento-depressao. Um abraço.

Delfert sdert

Olá,hoje eu estava ouvindo um podcast onde o apresentador estava entrevistando um homem de 40 anos,foi um programa de 3 horas perto do final ele relatou que sofria de uma doença,no mesmo momento eu me identifiquei com ela, já havia pesquisado muito e nada do que eu havia encontrado tinha uma resposta, então finalmente eu encontre depressão psicótica,desde criança com alguns intervalos grandes de tempo eu tive um “amigo”na adolescência nunca fui muito bom em fazer amigos sempre fui superficial o fazia para não demonstrar o meu interno excessão para alguns amigos mais próximos,que ficavam tristes com minhas histórias,não sei se tenho alucinações mas muitas vezes passo minutos até horas conversando imaginando cenas irreais revivendo memórias para tentar alterar as mesmas e ser perfeito sinto culpa constantimente principalmente quando não tenho aprovação dos outros um erro sequer é responsável por minutos inteiros de culpa profunda e remorso,e me sinto horrível,algo me chamou atenção ele disse que a causa da doença foi uma relação doentia entre ele e uma narcicista,pois então tenho mãe narcisista e irmã narcisista a primeira nunca foi grande problema mas a segunda torna minha vida um inferno constante, recentemente isso tem se agravado,peço que dê sua opinião pessoal e agradeço pela oportunidade de relatar isso por aqui

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Delfert. É muito complicado o tratamento, porque exige empenho tanto do paciente, quanto das pessoas próximas, por este motivo é importante realizar um diagnóstico, para que possam todos contribuir para o progresso do tratamento. Conforme a DRA., a depressão psicótica causa sintomas de delírio e alucinações, sendo uma categoria atípica da depressão. Ou seja, essas informações são vagas para poder diagnosticar um quadro grave como tal, é importante que vá a um psiquiatra para que ele faça as análises necessárias, solicite exames, e com uma consulta presencial, consultando todas as informações, se for o caso, ele dará o diagnóstico. É de suma importância que se dirija ao médico, porque o quanto antes detectado, maiores são as chances de sucesso no tratamento. E um tratamento eficaz e adequado, pode melhorar, significativamente sua qualidade de vida. Estamos torcendo por seu progresso. Até a próxima!

jorge

eu tenho depressao psicotica,depresao é ruim,psicose é bem pior

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Jorge. Realmente a depressão psicótica é difícil de lidar, pois se trata de um quadro grave. Por vezes nos sentimos propensos a desistir, diante das dificuldades, mas é preciso força para seguir com o tratamento. Com o acompanhamento médico e terapêutico necessário, poderá manter a complicação sob controle e ter uma qualidade de vida melhor. Estamos torcendo por você. Até a próxima!

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.