Quais são os riscos da angioplastia? Escolha do médico é fundamental!


  • +A
  • -A
Imagem do post Quais são os riscos da angioplastia? Escolha do médico é fundamental!

Escolher um profissional capacitado para realizar um procedimento médico é essencial para obter bons resultados. Com a angioplastia não poderia ser diferente. Seu objetivo é desobstruir as artérias do coração com balões e stents e restaurar o fluxo sanguíneo, reduzindo a dor sentida pelos pacientes. E mesmo se tratando de um procedimento não cirúrgico e terapêutico, existe o risco de complicações.

Infarto é uma das complicações da angioplastia


Alergia, hematomas, sangramentos, arritmia cardíaca, infarto do miocárdio, insuficiência renal aguda, embolização de fragmentos do trombo e acidente vascular cerebral estão entre as possíveis complicações de uma angioplastia. É por isso que, depois que o procedimento for concluído, ter um médico atencioso, capaz de orientar e tirar todas dúvidas faz uma grande diferença.

“Os cuidados depois da angioplastia incluem um rigoroso acompanhamento com o cardiologista, principalmente nos primeiros seis meses, período no qual existe chance da obstrução voltar”, afirma a cardiologista Bruna Baptistini. Na recuperação, o paciente deve ser orientado pelo médico a ficar em repouso absoluto no leito por 12 horas e com a perna esticada, nos casos das punções realizadas na artéria femoral.

Quando a angioplastia é indicada e contraindicada?


De acordo com a profissional, a intervenção é indicada principalmente nos casos de angina (dor no peito), infarto agudo do miocárdio e evidências de isquemia no coração detectadas por algum exame. 

O especialista, no entanto, deve estar atento a algumas contraindicações que podem colocar em risco o sucesso da angioplastia, principalmente situações em que há impossibilidade técnica pela doença difusa das artérias coronárias e presença de distúrbios que prejudiquem a coagulação sanguínea e que predisponham a sangramentos excessivos ou à oclusão aguda do vaso tratado.

Dra. Bruna Cristina Baptistini é cardiologista formada pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e atua em São Paulo. CRM-SP: 145229

Foto: Shutterstock

TAGS
circulacao
coracao
dor-no-peito
infarto
sangue

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

5 comentários para "Quais são os riscos da angioplastia? Escolha do médico é fundamental!"

Valmir Alves Antonio

Fiz uma angioplastia estou recuperando bem graças a Deus.

José Dilson Gomes de Almeida

Gostei das informações , pois fiz angioplastia , foi colocado três stentes farmacoligico em 21/01/2015.Por isso gostaria de receber mais informaçoes sobre este assunto.

Cuidados Pela Vida

Oi José Dilson, em nosso site você encontra outras matérias que tratam sobre este assunto. Segue o link de uma delas: http://cuidadospelavida.com.br/coracao/o-que-angioplastia-explica-procedimento

MARLENE PIUCCO

Adquiri TVP Esquerda em 2007 fazendo tratamento com marevan. Fiz angioplastia femural em março de 2014 com 6 stents de 25 cm cada (grossos), sendo 2 no abdomem, 2 em cada cocha passando para xarelto 20 mg. Tenho filtro na veia cava e tudo voltou a estaca zero no ato da angioplastia. Diagnóstico: TVP TROMBOFILIAS SÍNDROME DE COCKETT. Tive febre, dor, não sai da cama por 30 dias e a TVP passou pra perna direita. Retornei ao hospital, realizado trombectomia e coagulou tudo novamente, as veias grossas não funcionam, a perna incha muito. Sequelada uso muletas, saiu aposentadoria por invalidez permanente em março de 2015. Faço muito repouso , hérnias na coluna cervical e lombar, abdomem muito inchado, várias hemorróidas, intestino preso, bexiga não funciona, estômago incha e dá cãimbras.Agora depois de 2 anos uma ginecologista e um neurologista argumentaram que talvez a hérnia da coluna interfere no abdomem e em toda a pelve (digestão, excreção e na genitália).POR FAVO!:QUAIS MEUS DIREITOS?FAZER CIRURGIA VAI DESOBSTRUIR A PELVE E VOU URINAR NORMALMENTE?A CIRURGIA DA HEMORRÓIDA O RISCO É GRANDE E VAI VOLTAR TUDO NOVAMENTE OU ATÉ PIORAR COMO FOI A ANGIOPLASTIA.ABAIXO DA COSTELA DIREITA SE FORÇAR A MUSCULATURA DÁ CÃIMBRAS FORTE, ENDURECE, FICA UMA BOLA, TENHO QUE ME ESTICAR, FAZER MASSAGEM E ANDAR RESPIRANDO FUNDO PRA ALIVIAR.A TVP ESTÁ NO ESTÔMAGO? ENDOSCOPIA ACUSA GASTRITE, ESOFAGITE IMPORTANTE E HÉRNIA DE HIATO.MUITAS INCERTEZAS, DÚVIDAS, DEPRÊ E SOMENTE HOMEOPATIA PRA AMENIZAR ALGUNS SINTOMAS ME PROPORCIONANDO UM EQUILÍBRIO.SE POSSÍVEL, GOSTARIA DE OBTER MAIS ESCLARECIMENTOS.Muito Obrigada!Marlene Piucco

Cuidados Pela Vida

Oi Marlene, é complicado indicar uma conduta sem ter acompanhado seu quadro clínico. Verifique o que os médicos que a acompanharam por todo esse percurso indicam como forma de minimizar os sintomas dos problemas que você apresenta. Melhoras.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.