Um mal súbito pode ser causado por um infarto ou AVC?

  • +A
  • -A

Você já ouviu falar no mal súbito? Esse problema de saúde repentino pode causar um susto grande em quem o presencia. Não é para menos: esse quadro pode causar acidentes e até mesmo ser causado por alguma doença. A cardiologista Lorena Borges conversou com a equipe do Cuidados Pela Vida sobre a relação entre esse distúrbio inesperado e complicações cardiovasculares, como o infarto e o AVC. Confira! 

O que significa mal súbito?


De acordo com a cardiologista, o mal súbito é definido como “uma perda inesperada e repentina da consciência, muitas vezes caracterizada por um desmaio ou síncope. Esses quadros de desmaios podem ser rápidos e com recuperação espontânea da consciência sem sequelas. Porém, também podem causar morte súbita”. 

Apesar de repentino e inesperado, o mal súbito pode apresentar sintomas. “Alguns casos são precedidos por dor no peito, dores de cabeça frequentes, falta de ar, tonturas e náuseas”, esclarece Dra. Lorena. Ele também não tem restrição de idade, sexo ou gênero: qualquer pessoa pode sofrer com esse problema, até mesmo os mais jovens, embora seja mais comum em homens de 60 a 70 anos. 

Doenças cardíacas são a maior causa de mal súbito


Pessoas que sofrem com
doenças cardíacas são mais propensas ao mal súbito, segundo a especialista. “90% das causas são de origem cardíaca, como infarto, arritmia ou malformações cardíacas, que geralmente a pessoa desconhece até que se tenha o ‘desmaio’”, explica. Porém, Dra. Lorena deixa claro que não é só a saúde cardiovascular que causa o problema repentino: “Além das causas cardíacas, temos também a hipoglicemia (baixo nível açúcar no sangue), desidratação, queda de pressão e o mal súbito de origem neurológica, quando o paciente apresenta um desmaio decorrente de um AVC, por exemplo”.

Caso você presencie um mal súbito, primeiros socorros podem ser muito úteis. “Independentemente da causa, quando nos deparamos com um paciente desacordado, o primeiro passo é identificar se a pessoa está respirando. Caso não esteja, acionar imediatamente o serviço de emergência (SAMU 192) de referência do local e, então, iniciar manobras de reanimação (massagem cardíaca) até a chegada de socorro. Após o primeiro atendimento, o paciente será encaminhado ao serviço de saúde mais próximo para melhor avaliação e investigação do quadro”, finaliza a especialista. 

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Lorena Borges

Dra. Lorena Borges

Cardiologia

CRM: 41960 / PR

TAGS
cardiovascular
coracao
dor-no-peito
infarto

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

6 comentários para "Um mal súbito pode ser causado por um infarto ou AVC?"
Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.