Doença venosa crônica: principais causas e cuidados a serem tomados

  • +A
  • -A

A doença venosa crônica é bastante comum e afeta grande parte da população. Cerca de 30% das mulheres e 10% dos homens procuram ajuda médica devido a sinais e sintomas venosos nas pernas. As queixas mais frequentes são dor, inchaço, sensação de pernas pesadas e, menos frequentemente, alterações na coloração da pele na altura dos tornozelos ou surgimento de lesões ulceradas.
As varizes representam dilatação das veias ao longo das pernas em função das alterações circulatórias no sistema venoso, que resultam na distensão da parede desses vasos e na sua tortuosidade. Seu aparecimento pode causar sensação de desconforto, peso, cansaço ou inchaço na região, especialmente quando se está em pé ou sentado por um longo período. Durante o verão, por causa do calor, esses sintomas tendem a aumentar e associar-se a pés e tornozelos inchados, sobretudo à noite.

Causas

As válvulas venosas são responsáveis por direcionar o sangue do sistema venoso em direção ao coração e impedir seu refluxo. Quando ocorre insuficiência na função das válvulas venosas, as veias apresentam sobrecarga de sangue e tendem com o tempo a se dilatar. O aumento da pressão no interior das veias e o refluxo do sangue são as principais causas de insuficiência venosa crônica.

Fatores de risco para insuficiência venosa

• Idade.
• Histórico familiar.
• Sexo feminino (relacionado aos níveis do hormônio progesterona).
• Obesidade.
• Gravidez.
• Trabalhos que exigem a mesma posição por horas (permanecer sentado ou em pé).

Medidas que podem ser benéficas

• Usar meias especiais para vasos e varizes.
• Não permanecer sentado ou em pé por longos períodos.
• Manter o peso ideal.
• Praticar exercícios físicos.
• Não fumar.
• Seguir o tratamento e tomar a medicação recomendados pelo seu médico.

Quando se deve procurar um médico

• Quando surgirem sintomas de dor, desconforto ou pequenos vasos “azulados” nas pernas e pés.
• Quando forem notadas varizes.
• Se houver dores nas pernas ou inchaço, assim como outros sintomas, como febre, vermelhidão ou feridas nas pernas.

Referências:

1- Bibliomed EE. Insuficiência Venosa [internet]. [Acesso em: 16 out. 2017]. Disponível em: http://www.boasaude.com.br/artigos-de-saude/5394/-1/insuficiencia-venosa.html
2- DOENÇAS venosas crônicas [internet]. [Acesso em: 16 out. 2017]. Disponível em: https://www.sigvaris.com/br/br/condi%C3%A7%C3%B5es/doen%C3%A7as-venosascr%C3%B4nicas
3- Douketis JD et al. Insuficiência venosa crônica e síndrome pós-flebite [internet]. [Acesso em: 16 out. 2017]. Disponível em: http://www.msdmanuals.com/ptbr/casa/dist%C3%BArbios-do-cora%C3%A7%C3%A3o-e-dos-vasossangu%C3%ADneos/dist%C3%BArbios-venosos/insufici%C3%AAncia-venosacr%C3%B4nica-e-s%C3%ADndrome-p%C3%B3s-flebite
4- CAUSAS Da Doença Venosa [internet]. [Acesso em: 16 out. 2017]. Disponível em:
https://vascular.pro/content/causas-da-doenca-venosa
5- INSUFICIÊNCIA VENOSA CRÔNICA: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO [internet].
[Acesso em: 16 out. 2017]. Disponível em: http://sbacvsp.com.br/wpcontent/uploads/2016/05/insuficiencia-venosa-cronica.pdf
6- INSUFICIêNCIA Venosa Crônica / Varizes dos Membros Inferiores [internet]. [Acesso
em: 16 out. 2017]. Disponível em: https://sbacvsp.com.br/insuficiencia-venosacronica-varizes-dos-membros-inferiores/

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Central Saudável Saber

Central Saudável Saber

Clínica Médica

CRM: /

TAGS
circulacao
varizes

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

13 comentários para "Doença venosa crônica: principais causas e cuidados a serem tomados"

Viviane

Eu tenho lipodema na perna um problema de varis e tenho prolactina no crânio e tenho cisto no ovário preciso tomo remédio como faço para conseguir?

Viviane

Eu estou precisando compra uns remédios e até agora não recebi resposta

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Viviane, por favor envie um e-mail para cuidadospelavida@farmaprod.com.br informando o nome do remédio para verificarmos se participa do programa e a orientarmos como proceder para comprar. Obrigada

Georgina Agnelo de Lima

Gostei

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Georgina, ficamos felizes que você tenha apreciado a matéria. Abraços.

jamile filgueira da rocha

Tenho poblemas de dores nas pernas tomo flavonid ecastanha da india tenho varizes e veias quebradas sinto muita dores nas pernas.

Rosélia

Lado direito do corpo ficou inchado, começou pela perna, depois estava dormindo quando acordei a coxa estava dormente, massageei e depois ficou fria. Isso aconteceu do só do lado direito do corpo.

Fatima cunha

Muita dor nas pernas,segyido de queimação….tenho varizes finas e tenho problema de circulação,estou tomando Venalott e daflon 1000….por favor me ajude

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Fátima. Segundo o Angiologista Carlos Peixoto, alguns hábitos, em consonância com o tratamento, podem ajudar, como “a prática de exercícios físicos, perda de peso, evitar permanecer sentado ou de pé por muito tempo e evitar o uso de roupas muito apertadas”. Consulte o seu médico e informe sobre os desconfortos para que ele possa verificar e se achar necessário, realizar alguma mudança no tratamento. Até a próxima.

Vane medina

Tive trombose benosa profunda a 2 meses. Fiquei internada 18 dias e sai do hospital hipertensa, coisa q nunca fui. Quero saber se tem alguma relação. Já q temho milhões de varizes e 40 anos. E pq depois de 2 meses estou com a mesma dor inicial. Muita dor ma panturrilha.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Vane. Como está sentindo dor, é importante passar em avaliação com o especialista o quanto antes para verificar a causa e ter orientação para amenizá-la. Em consulta médica, ele poderá verificar seu histórico e você pode questionar se a questão da hipertensão pode ter relação com o ocorrido. Melhoras.

Andrea

Eu to com queimação e dormencia dor praticamente no corpo todo so ameniza a queimação quando coloco o pé p cima .estou tomando flavonid lozartana aas me ajuda por favor

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Andrea. A prática de exercícios físicos pode ajudar, pois o fortalecimento da musculatura da panturrilha faz com que ela impulsione o sangue para o coração com mais eficácia, o uso de meias elásticas e manter-se no peso ideal também é recomendado, assim como seguir o tratamento e tomar a medicação indicada pelo seu médico. Lembrando que antes de tomar uma decisão, é indispensável que realize uma consulta com o especialista. Desejamos melhoras. Até logo.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.