O clima seco piora crises de asma? É possível amenizar o desconforto?

  • +A
  • -A

A asma é uma doença respiratória que provoca tosse, falta de ar e chiado no peito devido a uma hipersensibilidade das vias aéreas – brônquios, estruturas que levam o ar até o pulmão. Você sabia que o clima seco, típico do outono e do inverno, pode causar ou piorar crises de asma? Neste texto, vamos explicar como isso acontece e o que é possível fazer para minimizar as consequências do clima seco.

Segundo o alergista e imunologista Pedro Bianchi, o clima seco é definido pelo nível de umidade presente no ar, um índice chamado de umidade relativa do ar: “O ideal para a população humana é que esse índice esteja em torno de 60%. Abaixo de 30% se chama estágio de atenção, abaixo de 20%, estágio de alerta, e abaixo de 12%, estágio de emergência”. No Brasil, é comum que a umidade relativa caia para 30% durante o outono e o inverno, principalmente nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, que sentem mais as diferenças climáticas entre o verão e o inverno. 

Clima seco irrita brônquios e piora falta de ar e tosse

O médico alerta que tanto o clima seco quanto as baixas temperaturas registradas nos meses do meio do ano são causas de crises de asma e da piora dos sintomas. “O clima seco pode piorar ou causar crises de asma, principalmente se a doença não estiver tratada adequadamente. Nesses casos, o ar frio e seco vai inflamar e desidratar mais ainda as vias aéreas”, afirma o especialista.

De acordo com Dr. Bianchi, a função do nariz é justamente aquecer, umedecer e filtrar o ar. “Portanto, esse ar que passa pelo nariz chega com o condicionamento adequado para as vias aéreas respiratórias e para o pulmão. Quando você respira pela boca, quando o nariz está congestionado por causa de uma rinite ou quando faz exercício físico, esse ar chega no pulmão sem esse condicionamento. Então, se o dia estiver frio e seco, esse ar vai irritar as vias aéreas”.

Como amenizar os sintomas de asma e evitar novas crises?

A boa notícia é que é possível amenizar o desconforto causado pelo clima seco em pacientes asmáticos com alguns cuidados simples que podem ser adotados na rotina. “As medidas que temos para isso são manter a asma bem tratada, respirar somente pelo nariz e, nos dias secos, fazer lavagem nasal frequente e tomar bastante água”, indica o alergista. O tratamento da asma varia de acordo com o caso, mas pode ser feito com o uso de medicações e controle de condições ambientais, como manter a casa limpa e arejada. 

Dr. Bianchi chama atenção para outra medida adotada por muitas pessoas, mas que não é muito recomendada: “Umedecer o ambiente pode ser uma faca de dois gumes. Por um lado, umedecendo o ambiente, você torna esse ar mais propício para as vias aéreas, mas ao mesmo tempo, os ácaros (uma das principais causas de asma alérgica) gostam de lugares úmidos e temperaturas mornas, que são as condições ideais para sua proliferação. É mais eficaz seguir as outras medidas”. 

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Pedro Bianchi

Dr. Pedro Bianchi

Alergia e Imunologia

CRM: 70584 / SP

TAGS
asma
respiracao

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "O clima seco piora crises de asma? É possível amenizar o desconforto?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.