Asma e futebol: quem tem a doença pode praticar o esporte?


  • +A
  • -A

Como um dos principais sintomas da asma é a falta de ar, é normal as pessoas acreditarem que a prática de atividades físicas em geral faz mal para quem sofre do problema. Contudo, os exercícios físicos são parte importante do tratamento da asma, especialmente os aeróbicos, como corrida, natação e ciclismo.

Importância do esporte para o controle da asma


“Sim, quem possui asma pode e deve praticar esportes. Asmáticos em programa de atividade física apresentaram menos sintomas e melhor qualidade de vida”, afirma o pneumologista Mauro Gomes. Inclusive, há diversos casos de esportistas profissionais que convivem com a doença e que não apresentam problemas para exercer seus ofícios.

Quem consegue encaixar na rotina atividades físicas regulares (pelo menos três vezes na semana), dá um passo importante para tornar a sensação de falta de ar menos frequente. Isso se deve ao fortalecimento da musculatura do tórax resultante do exercício, o qual promove a expansão dos pulmões, melhorando a ventilação pulmonar.

Prática esportiva só é benéfica para quem estiver com tratamento em andamento


Apesar da prática esportiva ser recomendada como complemento do tratamento da asma, o paciente só poderá usufruir dos benefícios dos exercícios caso esteja em dia
com o tratamento medicamentoso. “Os pacientes devem manter o tratamento regular com remédios para não apresentarem sintomas e nem risco de crises de asma”.

Mesmo os que estão com a asma controlada e desejam iniciar a prática esportiva regular para complementar o tratamento devem começar as atividades aos poucos, gradativamente, pois é importante que o corpo se adapte ao esforço que estará sendo iniciado. Fazer exercícios em uma intensidade moderada ou alta tende a ser prejudicial pela falta de preparo físico.  

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Mauro Gomes

Dr. Mauro Gomes

Pneumologia

CRM: 59917 / SP

TAGS
asma
atividade-fisica
respiracao

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Asma e futebol: quem tem a doença pode praticar o esporte?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.