Quais são os possíveis passatempos para quem tem doença de Alzheimer?

  • +A
  • -A

O mal de Alzheimer (doença de Alzheimer) é o tipo mais comum de demência, grupo de doenças que diminuem a capacidade cognitiva e afetam o comportamento e a funcionalidade do paciente, segundo a Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG)¹. É importante que o idoso em tratamento dedique parte do seu dia a alguns passatempos. Quer saber o motivo? Continue lendo a matéria.

Pacientes com doença de Alzheimer devem ocupar seu tempo

 

“O tempo do paciente com doença de Alzheimer deve ser ocupado tendo em vista os seis pilares do cérebro saudável: atividade física regular, dieta saudável, sono repousante, estimulação cognitiva, controle dos riscos à saúde e interação social”, afirma o geriatra Ricardo Komatsu. 

Para os exercícios físicos, é importante que a modalidade escolhida seja prazerosa para o idoso, mas respeite suas limitações físicas. Por isso, é importante conversar com um especialista antes de iniciar qualquer prática. 

Já as atividades de estimulação cognitiva devem trabalhar a memória e a criatividade, segundo o médico, já que uma das principais consequências do Alzheimer é a perda de memória recente. Alguns exemplos são leitura, jogo da memória, sudoku, quebra-cabeça, dominó, caça-palavras e jogo das diferenças. Relembrar o que foi feito ao longo do dia também pode ajudar. 

Como a família deve ajudar um familiar com Alzheimer?

 

Como a doença de Alzheimer compromete a capacidade cognitiva e a funcionalidade do paciente à medida que ocorre a progressão do quadro, Dr. Komatsu afirma que atividades relacionadas ao autocuidado e à administração da vida doméstica podem exigir supervisão e, no longo prazo, auxílio para que sejam realizadas.

Para estes pacientes, a presença da família e de um cuidador é fundamental, oferecendo auxílio no dia a dia. Segundo o geriatra, o cuidador deve, por exemplo, prestar atenção à dieta, que deve ser saudável, ajudar o idoso a ter um sono repousante, garantir que haja interação com amigos e familiares e fazer visitas regulares ao médico. 

  1. Dados da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG): https://sbgg.org.br/em-dia-mundial-do-alzheimer-dados-ainda-sao-subestimados-apesar-de-avancos-no-diagnostico-e-tratamento-da-doenca/ 
COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Ricardo Komatsu

Dr. Ricardo Komatsu

Geriatria

CRM: 56604 / SP

TAGS
alzheimer
envelhecimento

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Quais são os possíveis passatempos para quem tem doença de Alzheimer?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.