Por que a doença de Alzheimer pode causar agressividade e irritação?


  • +A
  • -A

A maioria das pessoas conhece a doença de Alzheimer pela perda progressiva da memória, que é o principal sintoma do quadro. Porém, este não é o único dano causado no cérebro. O paciente também apresenta outras manifestações, como a agressividade e a irritação. Todos esses sintomas surgem em função das alterações cerebrais que decorrem da doença de Alzheimer.  

“A demência de Alzheimer é uma condição em que há uma deficiência de neurotransmissores no cérebro e isso compromete a memória, o humor e o comportamento. Por vezes, a alteração de comportamento pode ser causada pelas alterações bioquímicas cerebrais, ou ainda por mudanças no ambiente e na rotina do paciente, por alterações clínicas (desidratação, infecção, etc.) ou por medicamentos inapropriados”, explica a geriatra Thaísa Segura.

 

 

Como o cuidador deve lidar com a agressividade e irritação do paciente?

 

Tanto a irritação quanto a agressividade são comportamentos que atrapalham o bem estar e o tratamento do paciente e podem piorar caso o cuidador não tenha a sensibilidade e o trato corretos para controlar a situação. Sendo assim, é essencial que estes responsáveis não se deixem abalar caso o paciente seja agressivo com eles. O ideal é manter a calma e tentar passar isso para o idoso.

“O cuidador deve estar ciente de que essas condições não são propositais, ou seja, não ocorrem por teimosia do paciente. É fundamental que nessas situações o cuidador tranquilize e transmita segurança ao paciente, evitando discussões, procurando identificar o motivo que ocasionou a alteração comportamental”, recomenda a médica.

 

Tratamento medicamentoso do Alzheimer

 

Para que todos os sintomas do Alzheimer sejam controlados, é necessário que o idoso siga um tratamento adequado, a fim de reduzir a velocidade da progressão da doença e permitir uma melhor qualidade de vida. Normalmente é indicado o uso de medicamentos para que a melhora seja efetiva. “Os medicamentos que auxiliam neste quadro são os anticolinesterásicos, antidepressivos, antipsicóticos e estabilizadores de humor”, conclui Dra. Thaísa.

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Thaísa Segura da Motta Rosa

Dra. Thaísa Segura da Motta Rosa

Geriatria

CRM: 133363 / SP

TAGS
alzheimer
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "Por que a doença de Alzheimer pode causar agressividade e irritação?"

mariana

me interesa porque se que hay dos tipos uno mas calmo otro mas agresivo

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Mariana. Conforme informado na matéria, o Alzheimer é uma condição em que há uma deficiência de neurotransmissores no cérebro e isso compromete a memória, o humor e o comportamento. Por vezes, a alteração de comportamento pode ser causada pelas alterações bioquímicas cerebrais, ou ainda por mudanças no ambiente e na rotina do paciente, por alterações clínicas (desidratação, infecção, etc.) ou por medicamentos inapropriados. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.