Produtos Participantes

Não tome medicamentos sem a orientação do seu médico. A persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Produto

Carregando...
Remilev

Não tome medicamentos sem a orientação do seu médico. A persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Compre Agora

Remilev

Princípio ativo: Humulus lupulus, valeriana officinalis

Apresentação: Comprimidos - MS 1.0573.0357

Indicação: Remilev é destinado para o tratamento de insônia, tanto para as pessoas com dificuldade para iniciar o sono, como para aquelas que acordam diversas vezes durante a noite. Remilev também é destinado para o tratamento de pessoas que apresentem agitação, nervosismo e irritabilidade.

Contraindicação: Remilev não deve ser utilizado por pessoas com hipersensibilidade (alergia) aos seus componentes. Também não deve ser utilizado por pessoas que apresentem comprometimento importante do funcionamento dos rins e do fígado.
 Este medicamento é contraindicado para uso por pessoas com diminuição do funcionamento dos rins e do fígado.

  • COMPOSIÇÃO
  • POSOLOGIA
  • INFORMAÇÕES
  • VER BULA
Cada comprimido contém 250 mg de extrato seco de Valeriana officinalis L. (equivalente a no mínimo 0,375 mg de ácidos valerênicos totais) e 60 mg de extrato seco de Humulus lupulus L. (equivalente a no mínimo 0,06 mg de flavonoides totais expressos em rutina).
Excipientes: celulose microcristalina, macrogol, estearato de magnésio, óleo de rícino, dióxido de silício, polissacarídeo de soja, filme de revestimento azul (hipromelose, dióxido de titânio, macrogol, corante FD&C azul no 2), propilenoglicol e aroma de baunilha.
Remilev deve ser ingerido por via oral nos horários recomendados pelo médico, junto com um pouco de água.

A dose habitual é de 2 a 3 comprimidos que devem ser tomados cerca de 1 hora antes de deitar. Caso não haja efeito adequado, a dose não deverá ser aumentada sem orientação médica.

Este medicamento é indicado para adultos.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.


Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.


Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.
COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Remilev é um medicamento de origem vegetal, constituído pela combinação do extrato de duas plantas que agem sobre o Sistema Nervoso Central, ajudando no controle do sono e do comportamento. Proporciona a regularização do ritmo, a melhoria da qualidade do sono e a diminuição de sintomas desagradáveis relacionados à ansiedade como agitação e nervosismo.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Remilev é um medicamento que normalmente não causa efeitos colaterais importantes. Mas, devido à sensibilidade de cada pessoa, pode ocorrer sonolência e diminuição da atenção e da capacidade de operar máquinas e veículos. Portanto, é recomendado cuidado nessas situações durante seu uso.

A ingestão de bebidas alcoólicas não é recomendada durante o uso desse medicamento.
Pacientes debilitados devem ser cuidadosamente observados após a utilização de medicamentos que possam interferir sobre o sono.

Remilev deve ser utilizado somente por via oral, obedecendo-se à dosagem e ao horário estabelecidos pelo médico. Não aumente as doses recomendadas por conta própria. Se os sintomas não apresentarem melhora, consulte o médico para orientação correta.
Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Se Remilev for utilizado junto com outros medicamentos que agem no Sistema Nervoso Central e podem causar sonolência como, por exemplo, ansiolíticos (“calmantes”, ex: diazepam, lorazepam, bromazepam, clonazepam, flunitrazepam, midazolam), hipnóticos (“remédios para dormir”, ex.: zolpidem, zopiclone), antiepilépticos (ex.: carbamazepina, fenitoína, fenobarbital), seus efeitos podem ser alterados, aumentando a chance de ocorrer sonolência. Por esta razão, recomenda-se sempre obter orientação médica nessa situação.
Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Você deve conservar Remilev em temperatura ambiente (entre 15 e 30oC), protegido da luz e umidade.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.
Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original. Remilev é um comprimido de coloração azul, de formato redondo.
Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.
Caso você observe alguma mudança no aspecto do medicamento que ainda esteja no prazo de validade, consulte o médico ou o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Em caso de esquecimento da dose, este medicamento não deve ser utilizado posteriormente, pois pode haver sonolência caso o tempo de sono não seja suficiente.
Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.
QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?
Remilev mostrou ser bem tolerado pela grande maioria dos pacientes. Náuseas, desconforto gástrico, tontura e dor de cabeça foram descritos em alguns estudos por pacientes que utilizaram a valeriana isolada, mas a sua intensidade foi considerada leve nestes casos. Embora os estudos com a medicação não tenham demonstrado a ocorrência de sonolência ou diminuição da atenção, tais sintomas eventualmente podem ocorrer em função da variação de sensibilidade individual. Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Você deve procurar imediatamente seu médico ou dirigir-se a um pronto-socorro, informando a quantidade ingerida, o horário de ingestão e os sintomas.
Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações sobre como proceder.
Remilev

Valeriana officinalis L. / Humulus lupulus L. (extrato ZE 91019)

raízes / estróbilos

APRESENTAÇÕES

Comprimidos revestidos em blísteres com 10 e 20 unidades

USO ORAL USO ADULTO

COMPOSIÇÃO

Cada comprimido contém 250 mg de extrato seco de Valeriana officinalis L. (equivalente a no mínimo 0,375 mg de ácidos valerênicos totais) e 60 mg de extrato seco de Humulus lupulus L. (equivalente a no mínimo 0,06 mg de flavonoides totais expressos em rutina).

Excipientes: celulose microcristalina, macrogol, estearato de magnésio, óleo de rícino, dióxido de silício, polissacarídeo de soja, filme de revestimento azul (hipromelose, dióxido de titânio, macrogol, corante FD&C azul no 2), propilenoglicol e aroma de baunilha.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Remilev é destinado para o tratamento de insônia, tanto para as pessoas com dificuldade para iniciar o sono, como para aquelas que acordam diversas vezes durante a noite. Remilev também é destinado para o tratamento de pessoas que apresentem agitação, nervosismo e irritabilidade.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Remilev é um medicamento de origem vegetal, constituído pela combinação do extrato de duas plantas que agem sobre o Sistema Nervoso Central, ajudando no controle do sono e do comportamento. Proporciona a regularização do ritmo, a melhoria da qualidade do sono e a diminuição de sintomas desagradáveis relacionados à ansiedade como agitação e nervosismo.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Remilev não deve ser utilizado por pessoas com hipersensibilidade (alergia) aos seus componentes. Também não deve ser utilizado por pessoas que apresentem comprometimento importante do funcionamento dos rins e do fígado.

Este medicamento é contraindicado para uso por pessoas com diminuição do funcionamento dos rins e do fígado.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Remilev é um medicamento que normalmente não causa efeitos colaterais importantes. Mas, devido à sensibilidade de cada pessoa, pode ocorrer sonolência e diminuição da atenção e da capacidade de operar máquinas e veículos. Portanto, é recomendado cuidado nessas situações durante seu uso.
A ingestão de bebidas alcoólicas não é recomendada durante o uso desse medicamento.

Pacientes debilitados devem ser cuidadosamente observados após a utilização de medicamentos que possam interferir sobre o sono.

Remilev deve ser utilizado somente por via oral, obedecendo-se à dosagem e ao horário estabelecidos pelo médico. Não aumente as doses recomendadas por conta própria. Se os sintomas não apresentarem melhora, consulte o médico para orientação correta.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Se Remilev for utilizado junto com outros medicamentos que agem no Sistema Nervoso Central e podem causar sonolência como, por exemplo, ansiolíticos (“calmantes”, ex: diazepam, lorazepam, bromazepam, clonazepam, flunitrazepam, midazolam), hipnóticos (“remédios para dormir”, ex.: zolpidem, zopiclone), antiepilépticos (ex.: carbamazepina, fenitoína, fenobarbital), seus efeitos podem ser alterados, aumentando a chance de ocorrer sonolência. Por esta razão, recomenda-se sempre obter orientação médica nessa situação.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Você deve conservar Remilev em temperatura ambiente (entre 15 e 30oC), protegido da luz e umidade.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original. Remilev é um comprimido de coloração azul, de formato redondo.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.

Caso você observe alguma mudança no aspecto do medicamento que ainda esteja no prazo de validade, consulte o médico ou o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Remilev deve ser ingerido por via oral nos horários recomendados pelo médico, junto com um pouco de água.
A dose habitual é de 2 a 3 comprimidos que devem ser tomados cerca de 1 hora antes de deitar. Caso não haja efeito adequado, a dose não deverá ser aumentada sem orientação médica.

Este medicamento é indicado para adultos.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Em caso de esquecimento da dose, este medicamento não deve ser utilizado posteriormente, pois pode haver sonolência caso o tempo de sono não seja suficiente.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Remilev mostrou ser bem tolerado pela grande maioria dos pacientes. Náuseas, desconforto gástrico, tontura e dor de cabeça foram descritos em alguns estudos por pacientes que utilizaram a valeriana isolada, mas a sua intensidade foi considerada leve nestes casos. Embora os estudos com a medicação não tenham demonstrado a ocorrência de sonolência ou diminuição da atenção, tais sintomas eventualmente podem ocorrer em função da variação de sensibilidade individual. Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Você deve procurar imediatamente seu médico ou dirigir-se a um pronto-socorro, informando a quantidade ingerida, o horário de ingestão e os sintomas.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações sobre como proceder.

 

DIZERES LEGAIS

MS - 1.0573.0357

Farmacêutica Responsável:

Gabriela Mallmann - CRF-SP no 30.138

Fabricado por:

Max Zeller Söhne AG Romanshorn - Suíça

Importado e embalado por:

Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A.

Via Dutra, km 222,2 Guarulhos - SP
CNPJ 60.659.463/0001-91 Indústria Brasileira

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICAEsta bula foi aprovada pela ANVISA em 24/03/2015.
Download da Bula

Quero me cadastrar!

Clique aqui e cadastre-se para obter os benefícios do programa.

CADASTRE-SE

Temas Populares

Fique por Dentro

Quais são as diferenças entre insônia ocasional, transitória e crônica?

Dormir Bem

Quais são as diferenças entre insônia ocasional, transitória e crônica?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Qual é a relação entre a ansiedade e a insônia?

Dormir Bem

Qual é a relação entre a ansiedade e a insônia?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Apesar de serem dois problemas tratados por especialidades distintas, ansiedade e insônia podem estar diretamente relacionadas. Isso porque uma pode provocar o desenvolvimento da outra. Ou seja, um paciente com ansiedade pode acabar desenvolvendo dificuldade para dormir, e um paciente que sofre de insônia pode, por
Quais são os efeitos de dormir poucas horas todas as noites?

Dormir Bem

Quais são os efeitos de dormir poucas horas todas as noites?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

A qualidade do sono influencia totalmente na vida que se leva, pois o ato de dormir (especialmente dormir bem e por uma quantidade adequada de horas) provoca uma série de reações benéficas ao organismo. Sendo assim, quem dorme pouco todas as noites não conta com esses
Qual a relação da insônia com a depressão?

Dormir Bem

Qual a relação da insônia com a depressão?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Insônia e depressão estão diretamente ligadas, pois uma pode provocar a outra: a insônia facilita o desenvolvimento de um quadro depressivo, assim como uma pessoa diagnosticada com depressão muitas vezes apresenta dificuldade para dormir, em função do transtorno mental que a atormenta.  

Insônia e depressão

  “Existe uma
Dormir bem: quantas horas de sono preciso ter de acordo com a idade?

Dormir Bem

Dormir bem: quantas horas de sono preciso ter de acordo com a idade?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Muitas pessoas acreditam que é preciso ter 8 horas de sono a cada dia para dormir bem. No entanto, segundo os estudos mais avançados sobre o assunto, essa quantidade não é uma regra para todos. A verdade é que cada indivíduo tem seu
Insônia: existe alguma posição ideal para dormir?

Dormir Bem

Insônia: existe alguma posição ideal para dormir?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

A hora de dormir é um período muito importante do dia. É o momento que o corpo tem para relaxar e recarregar as energias depois de longas horas de trabalho ou estudo. Muitas pessoas não sabem, mas existem alguns fatores que podem ajudar e atrapalhar
Descanso tem hora: um cochilo deve durar quantos minutos?

Dormir Bem

Descanso tem hora: um cochilo deve durar quantos minutos?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Tirar um cochilo no meio do dia é uma ótima maneira de descansar o físico e a mente. As sonecas ajudam a recuperar as energias e a diminuir o estresse, deixando o corpo pronto para continuar a rotina. No entanto, é preciso lembrar que o cochilo deve ter
Insônia: estresse pode ser uma causa para o problema? Como evitar?

Dormir Bem

Insônia: estresse pode ser uma causa para o problema? Como evitar?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

A insônia é um problema que reduz gravemente a qualidade de vida por impedir que o corpo descanse e reponha suas energias. De acordo com o neurologista Shigueo Yonekura, especialista em Medicina do Sono, os vários tipos de insônia, geralmente, são resultado da interação de diversos fatores
Quantas horas de sono são necessárias para dormir bem?

Dormir Bem

Quantas horas de sono são necessárias para dormir bem?

cuidados-e-bem-estar

Dormir Bem

Ler livro antes de dormir ajuda a combater a insônia?

Insônia

Ler livro antes de dormir ajuda a combater a insônia?

saude-e-tratamento

Insônia

Insônia e imunidade: dormir pouco pode te deixar doente com frequência?

Baixa Imunidade

Insônia e imunidade: dormir pouco pode te deixar doente com frequência?

saude-e-tratamento

Baixa Imunidade

A relação entre insônia e imunidade de fato existe, então uma pessoa que tem dificuldade para dormir pode ficar com a imunidade baixa e, por conta disso, adoecer com mais frequência. Por outro lado, dormir bem ajuda a aumentar as defesas do corpo, garantindo ao organismo
É verdade que a insônia pode prejudicar a saúde do coração?

Coração

É verdade que a insônia pode prejudicar a saúde do coração?

meu-corpo

Coração

A insônia é uma doença que provoca dificuldade para pegar no sono e para se manter dormindo ao longo da noite. Segundo a pneumologista Renata Arbex, especialista em Medicina do Sono, uma noite bem dormida pode ser considerada um verdadeiro remédio para o corpo. Por outro lado, ter insônia prejudica a saúde