A síndrome das unhas frágeis pode atrapalhar a sua rotina?


  • +A
  • -A

A síndrome das unhas frágeis é uma doença que afeta cerca de 20% da população, sendo mais comum entre as mulheres. Diante da suspeita do problema, é importante procurar um especialista para receber o diagnóstico correto, que será feito com base nos sintomas citados e na realização de exames, que podem variar para cada paciente. A doença, caracterizada pelo enfraquecimento das unhas, que ficam quebradiças ou deformadas, pode prejudicar a rotina do paciente?

Síndrome das unhas frágeis pode causar dor

De acordo com a dermatologista Gabriela Itimura, a síndrome, que pode afetar também as unhas dos pés, pode, sim, causar problemas no dia a dia. “A síndrome das unhas frágeis se caracteriza por unhas moles, quebradiças e com tendência a descascar. Os pacientes sofrem com isso pois enroscam a unha, o esmalte dura menos e, às vezes, sentem dor se o caso for intenso”, explica.

Para iniciar o tratamento e impedir que o problema continue prejudicando seu dia a dia, é essencial descobrir o que está provocando a síndrome. “A causa principal é a desidratação, causada pelo contato com substâncias como detergente, sabão em pó, acetona e até o próprio sabonete, mas distúrbios sistêmicos devem ser investigados”, diz a profissional.

Tratamento da síndrome das unhas frágeis pode exigir mudanças no trabalho

Muitos pacientes desenvolvem a síndrome das unhas frágeis por causa de traumas frequentes e da exposição constante à umidade e à água. Consequentemente, parte do tratamento e da prevenção envolve evitar esses dois fatores, muitas vezes, ligados ao trabalho e a hobbies, o que também pode prejudicar a rotina.

“Durante o tratamento, orienta-se manter as unhas curtas e usar hidratantes e endurecedores. Os nutracêuticos com biotina e silício orgânico são os que apresentam melhor evidência científica”, aconselha Gabriela. Você deve ainda evitar os fatores que provocam a síndrome, como o contato direto com substâncias químicas, e somente usar esmaltes recomendados por seu dermatologista.

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Gabriela Itimura

Dra. Gabriela Itimura

Dermatologia

CRM: 30730 / PR

TAGS
pele
unhas

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "A síndrome das unhas frágeis pode atrapalhar a sua rotina?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.