Quem tem fios muito finos tem maiores chances de desenvolver calvície?

  • +A
  • -A

Ter um fio de cabelo grosso ou fino é um fator definido geneticamente. Independente da espessura, os fios passam pelas mesmas etapas de crescimento do ciclo capilar, desde que estejam em circunstâncias normais. Devido aos fios mais sensíveis, muitas pessoas acham que quem tem cabelos mais finos tem mais possibilidade de ter calvície. Será que isso é verdade?

Fios finos nem sempre indicam calvície


Estima-se que
uma pessoa pode perder entre 50 a 100 fios de cabelos ao longo de um dia, em um processo totalmente normal e que faz parte do ciclo capilar. A dermatologista Ana Caroline Barreto afirma que, em comparação com outros tipos de cabelo, quem tem fios finos não tem maiores chances de ter queda de cabelo, uma vez descartadas causas patológicas que poderiam gerar essa condição, como por exemplo a calvície. Pessoas com essa condição apresentam cabelos mais finos e ralos, mas isso é um resultado da própria doença.

A calvície, ou alopecia androgenética, é uma situação de queda de cabelo determinada geneticamente e muito frequente na população, tanto em homens como em mulheres. Por um comando genético, o estímulo hormonal da testosterona, que se inicia na adolescência, faz com que os fios venham progressivamente mais finos em cada ciclo do crescimento capilar, este processo é chamado de miniaturização. Tem início em geral na adolescência e, se não tratada, vai se agravando ao longo dos anos”, explica a médica.

Como cuidar de cabelos com fios muito finos


Não é possível mudar a espessura do cabelo por meio de nenhum tratamento, mas é possível deixar os fios mais fortes e saudáveis adotando algumas medidas simples no dia a dia. É fundamental para aqueles que têm cabelos mais frágeis ter um cuidado redobrado com tinturas e alisamentos, para evitar danos físicos e químicos que podem deixar o fio mais quebradiço. As substâncias químicas muito fortes usadas em alisamentos podem gerar danos à haste capilar, gerando uma maior fragmentação, e as pranchas e secadores podem desnaturar as proteínas, provocando um enfraquecimento capilar.

Além disso, é muito importante manter uma alimentação saudável, rica em vitaminas e proteínas e, quando necessário, utilizar reconstruções capilares com aminoácidos e queratina. Vale lembrar que é imprescindível procurar um especialista para avaliar as características de cada tipo de cabelo e indicar os melhores tratamentos para cada caso.

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Ana Caroline Barreto

Dra. Ana Caroline Barreto

Dermatologia

CRM: 155.934 / SP

TAGS
cabelos

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Quem tem fios muito finos tem maiores chances de desenvolver calvície?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.