Como o tabagismo contribui para a hipertensão?

  • +A
  • -A

Nicotina, alcatrão, benzeno, polônio e níquel são apenas 5 das 4.700 substâncias tóxicas presentes no cigarro. O tabagismo, além de já ser uma doença, é fonte causadora de outros problemas de saúde, como diversos tipos de câncer e doenças cardiovasculares, que são, de acordo com a OMS, as principais causadores de morte no mundo, com 17,9 milhões de óbitos por ano. No âmbito das doenças cardiovasculares, o consumo de cigarros contribui especialmente para o desenvolvimento da hipertensão e para o descontrole da pressão alta em quem já tem a doença.

 

Cigarro prejudica controle da pressão arterial

 

“A hipertensão nada mais é que a força com que o sangue bombeado pelo coração bate na parede do vaso sanguíneo. O tabagismo enrijece (endurece) essa parede. Logo, se a parede é ‘dura’, a pressão arterial aumenta“, afirma o cardiologista Paulo César Sadala Ferreira, o que coloca em risco a saúde do fumante.

Quem fuma há muitos anos tem ainda um agravante: como a pressão arterial está alta há bastante tempo, todo o mecanismo responsável por controlá-la ficou prejudicado, afetando até mesmo outros sistemas e órgãos além do coração. É o caso dos rins e do sistema nervoso central, por exemplo, que também atuam no controle da pressão alta.

 

Tabagismo aumenta risco de infarto

 

Segundo o especialista, o tabagismo é um fator de risco independente para o infarto e o AVC. No entanto, a situação piora nos casos em que o fumante já tem hipertensão porque fica mais difícil controlar a doença e as complicações surgem com mais facilidade. O médico lembra ainda que o cigarro favorece também doenças pulmonares.

É preciso destacar que mesmo os chamados fumantes passivos, pessoas que não fumam mas que estão em constante contato com a fumaça do cigarro, devem se preocupar com a hipertensão. “Quem não fuma, mas tem contato com quem o faz, tem risco aumentado de ter essas doenças. Não tanto quanto quem fuma, mas sem dúvida um risco maior do que quem não tem contato algum”, explica o médico.

Foto: Shutterstock

Dados da OMS: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5688:consumo-de-tabaco-esta-diminuindo-mas-ritmo-de-reducao-ainda-e-insuficiente-alerta-novo-relatorio-da-oms&Itemid=839

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Paulo César Sadala Ferreira

Dr. Paulo César Sadala Ferreira

Cardiologia

CRM: 106812 / SP

TAGS
avc
cardiovascular
cigarro
coracao
infarto
pressao-alta

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "Como o tabagismo contribui para a hipertensão?"

Hilda Rodrigues

Sou fumante há 50 anos. difícil deixar o cigarro.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Hilda. O Dr. Ciro Kirchenchtejn afirma que, O hábito de fumar cigarros pode gerar graves danos ao pulmão, assim como o sistema respiratório como um todo. Esse dano, aliás, não contempla todos os problemas causados pelo tabagismo. Acesse o link abaixo e confira mais matérias sobre esse tema. Abraços.

https://cuidadospelavida.com.br/busca/tabagismo

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.