Suplementação de vitamina D para gestantes é importante? Ajuda na saúde dos bebês?

  • +A
  • -A

Quando a mulher está grávida, a prioridade é sempre a sua saúde e a do bebê. Para isso, é importante manter o organismo equilibrado, com os nutrientes em níveis adequados. Em alguns casos, é preciso até mesmo fazer a reposição de alguns minerais e vitaminas. Será que a suplementação de vitamina D para gestantes também é necessária? Para falar melhor sobre o assunto, conversamos com a ginecologista Keyla Schneider e a nutricionista Alexandra Marinho. Confira! 

Vitamina D: gestante deve fazer suplementação durante o pré-natal

De acordo com Alexandra Marinho, a vitamina D é fundamental para as grávidas, sendo, inclusive, recomendada por órgãos oficiais. “A Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO) sugere a suplementação de vitamina D para gestantes durante todo o pré-natal”, enfatiza a nutricionista. 

Essa recomendação tem um motivo! Dra. Keyla Schneider explica: “A vitamina D é uma das responsáveis por reforçar o sistema imunológico contra doenças e auxiliar na saúde dos ossos e dos músculos, tanto na gestante como nos bebês. A falta de vitamina D em gestantes pode prejudicar a mulher e seu bebê. Risco aumentado de pré-eclâmpsia, diabetes gestacional, parto prematuro, aborto espontâneo, depressão pós-parto e problemas na formação dos ossos do bebê podem estar associados a esta deficiência”.

Vitamina D para gestantes: tomar sol é essencial na gravidez

A principal fonte de vitamina D é o contato com a luz solar. “A exposição regular ao sol por 15 a 20 minutos ao dia, sem a utilização do filtro solar, combinada com uma dieta adequada, ajuda a manter níveis adequados de vitamina D no sangue. Alimentos como  peixes, frutos do mar, fígado, cogumelos, ovos, queijos e leite também são ricos em vitamina D”, comenta Dra. Keyla. 

A ginecologista explica quais são os níveis ideais de vitamina D para o organismo da mulher grávida: “Os níveis de vitamina D no sangue devem ficar entre 30 ng/mL e 60 ng/mL durante toda a gestação”. Se houver deficiência, o ideal é tomar as principais medidas indicadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). 

“A OMS recomenda para gestantes que estão com falta dessa vitamina adequar a nutrição, regular a quantidade de horas em exposição sob a luz solar e suplementação vitamínica”, explica a médica. Ambas as especialistas afirmam que a gestante pode tomar vitamina D em forma de suplemento alimentar, mas Dra. Keyla faz um alerta: “Nenhuma suplementação deve ser tomada sem prescrição médica”.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Alexandra Marinho

Alexandra Marinho

Nutrição

CRM: CRN: 04100212 / RJ

Dra. Keyla Schneider

Dra. Keyla Schneider

Ginecologia e Obstetrícia

CRM: 52.61092-9 / RJ

TAGS
suplementos
vitamina-d

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Suplementação de vitamina D para gestantes é importante? Ajuda na saúde dos bebês?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.