Parasitoses intestinais: o que deve mudar na alimentação durante o tratamento?

  • +A
  • -A

As parasitoses intestinais muitas vezes se manifestam no organismo por conta da ingestão de alimentos contaminados. Portanto, quem já foi infectado por esses agentes e está tratando o problema deve evitar, em primeiro lugar, continuar consumindo esse tipo de alimento. Ou seja, o primeiro passo é redobrar a atenção com a procedência e a limpeza adequada dos alimentos.

Alimentos pouco aconselhados no tratamento de parasitoses intestinais


Além disso, como as
parasitoses intestinais costumam provocar sintomas como cólicas abdominais, diarreia, gases e vômitos, é interessante evitar alimentos que estimulem ainda mais a ocorrência desses sintomas. “Quando os pacientes apresentam muitas cólicas abdominais, por exemplo, optamos por diminuir alimentos fermentativos”, afirma o gastroenterologista Alexandre de Sousa Carlos.

Ainda de acordo com o médico, há relatos que sugerem que suspender açúcares e derivados lácteos durante o tratamento ajuda na recuperação de uma infecção por parasitose intestinal. Carnes mal passadas também não são muito recomendadas, pois são altamente perecíveis. ingerir esse tipo de alimento estragado não ajuda em nada o tratamento.  

Sendo assim, uma alimentação mais leve tende a ser melhor para o tratamento, ajudando para que a recuperação seja, senão mais rápida, menos incômoda, pelo menos. Nos casos em que há diarreia, mais importante do que a alimentação deve ser a preocupação com a hidratação, tendo em vista a seriedade do risco para a saúde de se perder líquido em excesso.

Importância dos medicamentos antiparasitários


Por mais que tudo isso seja importante no tratamento contra as parasitoses intestinais, a medida principal do processo é o uso de medicação antiparasitária, pois esta é que de fato conseguirá eliminar os agentes infecciosos que agridem e põem em risco a saúde do organismo. Sempre que houver suspeita de parasitose o médico deve ser logo consultado para iniciar o quanto antes o tratamento com remédios.

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Alexandre de Sousa Carlos

Dr. Alexandre de Sousa Carlos

Gastroenterologia

CRM: 122226 / SP

TAGS
diarreia
parasitoses

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Parasitoses intestinais: o que deve mudar na alimentação durante o tratamento?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.