Que cuidados devem ser adotados na escola para evitar parasitoses intestinais?


  • +A
  • -A

Creches e escolas são ambientes propícios à transmissão de parasitoses intestinais, já que as crianças formam o grupo mais frequentemente contaminado. Isso acontece porque os pequenos não têm muito conhecimento sobre a importância da higiene pessoal. Pais, professores e cuidadores devem, portanto, adotar alguns cuidados para ajudá-los a evitar parasitoses intestinais

Lavar as mãos é fundamental para evitar parasitoses intestinais


A gastroenterologista Amanda Medeiros cita algumas medidas simples que evitam as parasitoses, tanto na escola quanto nas casas das crianças:

– Lavar as mãos antes do consumo de alimentos e após o uso do banheiro;

– ensinar a lavar as frutas antes de comê-las, com água filtrada ou fervida;

– proteger os alimentos contra insetos;

– não oferecer às crianças alimentos crus, defumados ou mal cozidos. 

Segundo a médica, é importante ainda impedir que as crianças andem descalças em locais arenosos que animais também tenham acesso. “Manter os animais domésticos vacinados e vermifugados, além de recolher suas fezes para locais seguros, já que podem ser fontes de contaminação, manter as unhas curtas e limpas e não compartilhar roupas íntimas” são outras dicas da profissional.

Vale lembrar também da importância da hidratação adequada e de uma alimentação rica nos mais diversos nutrientes não só em casa, mas também nas refeições feitas na escola e na creche, onde as crianças passam boa parte do dia. Um corpo bem nutrido se recupera mais fácil das alterações causadas pelas parasitoses intestinais e tem menos risco de sofrer com complicações graves, como a desnutrição

Crianças de regiões pobres são as mais suscetíveis


De acordo com Doutora Amanda, as crianças de 2 a 6 anos que frequentam creches apresentam maior prevalência de parasitoses quando comparadas às crianças que não frequentam estas instituições. Esse risco é maior em escolas públicas de regiões pobres do país, geralmente localizadas em locais com baixos índices socioeconômicos, onde predominam
condições ruins de higiene e de saneamento básico e onde a população tem baixa escolaridade. 


Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Amanda Medeiros

Dra. Amanda Medeiros

Gastroenterologia

CRM: 20085 / SC

TAGS
parasitoses

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Que cuidados devem ser adotados na escola para evitar parasitoses intestinais?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.