O que é a síndrome do ombro congelado? Como identificar e tratar?


  • +A
  • -A
Imagem do post O que é a síndrome do ombro congelado? Como identificar e tratar?

Síndrome do ombro congelado é o termo popularmente utilizado para falar sobre a capsulite adesiva. “O ombro congelado ocorre como consequência de processos inflamatórios crônicos causados por rupturas dos tendões, bursites ou ainda como complicação de cirurgias”, afirma o ortopedista e traumatologista Roberto Ranzini.  

 

Síndrome do ombro congelado causa dor e rigidez do ombro

 


“Trata-se de uma grande perda da amplitude dos movimentos da articulação do ombro. É praticamente um bloqueio articular acompanhado de dores de forte intensidade”, explica o especialista.
Diabetes, doenças da tireoide, hérnia de disco cervical, traumas e atividades físicas que sobrecarregam braços e ombros estão entre os fatores de risco da síndrome.

A doença é dividida em três fases. Na primeira, chamada de fase inflamatória, a dor começa mais leve e piora com o passar das semanas. A segunda etapa da síndrome é caracterizada pelo congelamento, em que a mobilidade do ombro é reduzida progressivamente. É possível que o paciente não consiga mais colocar a mão nas costas. Já a dor diminui e se torna menos incômoda que o enrijecimento. A terceira fase é conhecida como descongelamento: a dor diminui muito e a movimentação do ombro retorna gradualmente.  

 

Tratamento do ombro congelado envolve fisioterapia e medicação

 


Os pacientes que sofrem com o problema devem procurar tratamento médico para manter a capacidade de movimentação dos ombros. “Primeiramente é importante determinar a causa desta alteração e, a partir do correto diagnóstico, devemos iniciar a reabilitação com sessões de
fisioterapia para ganhar amplitude de movimentos”, diz Ranzini.

O médico também destaca a associação de medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos para diminuir o desconforto nos pacientes de maneira mais rápida. Entretanto, há casos mais complicados, em que a doença se mostra mais resistente ao tratamento e que é preciso recorrer à correção cirúrgica. O procedimento mais recomendado é a artroscopia.

 

Dr. Roberto Ranzini é ortopedista e traumatologista formado pela USP, especialista em Medicina Esportiva e atua em São Paulo. CRM-SP: 70975 http://www.medicinaesportiva.com.br/

 

Foto: Shutterstock

TAGS
atividade-fisica
dores-no-corpo

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

9 comentários para "O que é a síndrome do ombro congelado? Como identificar e tratar?"

Edson Ferreira

Sinto dores no ombro e nos músculos do braço estou tomando osol anti-flamatoriose esse processo é demorado, pois trabalho por conta própria

Adão Pimentel

sinto dores no ombro é muito forte principalmente a noite dói vou para academia faço musculação treino pesado ai consigo alivia mas quando o sangue esfria o bicho pega, pode me ajudar com alguma informação a respeito.gratoAdão

Cuidados Pela Vida

Oi Adão, somente a análise de um profissional especializado conseguirá determinar o quadro que levou à formação deste sintoma em particular. Procure um serviço de saúde próximo de sua residência e realize uma consulta. Melhoras.

Pedro

Muito bom!

Cuidados Pela Vida

Oi Pedro, ficamos felizes que tenha gostado. Continue por aqui para ter acesso a essas e outras informações. Abraços.

Marinez Cilene

a uns 8 meses sofro forte fortes dores só que de uns 3 meses pra cá´doi muito durante a noite o que devo fazer?

Cuidados Pela Vida

Oi Marinez, a análise de um profissional especializado conseguirá determinar o quadro que levou à formação deste sintoma em particular. Procure um serviço de saúde próximo de sua residência e realize uma consulta. Melhoras.

Nattaniele

Esta síndrome também faz perder o movimento do cotovelo? Minha mãe foi diagnosticada com está síndrome só que todo o braço ficou enriquecido. Ela não consegue dobrar o cotovelo também é já fazem mais de 12 meses que ela está assim e as dores são muito fortes.

Cuidados Pela Vida

Olá Nattaniele, a capsulite adesiva, também chamada de ombro congelado, é uma doença caracterizada por dor e perda dos movimentos/rigidez do ombro. Leve sua mãe para uma consulta, assim o médico poderá identificar o que está ocasionando essa dor no cotovelo. Melhoras para ela.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.