O que pode acontecer com os ossos de alguém que abandona o tratamento da osteoporose?


  • +A
  • -A

A osteoporose é uma doença que exige do paciente adesão ao tratamento, pois consiste na perda progressiva de massa óssea. Ou seja, é fundamental controlar essa perda através de medicamentos e outras medidas para que os ossos não fiquem frágeis, com risco elevado de fraturas perigosas diante de quedas ou impactos. O paciente que abandona o tratamento corre esse risco.

 

Importância de voltar logo ao tratamento

 

“Quando um paciente abandona o tratamento da osteoporose, há uma parada na melhora dos sintomas e o osso volta a ter mais perdas. O problema continua evoluindo para a piora, aumentando, assim, o risco de queda e quebra”, afirma a ginecologista Karla Frota. Segundo a especialista, a perda de massa óssea não acontece imediatamente após a parada no tratamento: “O osso tem um metabolismo lento, mas a piora irá continuar gradativamente”.

Quando o paciente abandona o tratamento, é essencial que seja encorajado e instruído a retomá-lo o quanto antes, pois só dessa forma será possível controlar a progressão da doença. “Voltando a fazer o tratamento medicamentoso e comportamental (exposição solar, mais atividade física, etc.), o osso do paciente voltará a responder ao tratamento com melhora clínica e nos exames de imagem”.

 

Osteoporose é mais perigosa em idosos e mulheres após a menopausa

 

Como a osteoporose é uma doença que tende a surgir mais em pessoas com idade avançada, principalmente mulheres após a menopausa, é importante que seja dada uma atenção maior a esse grupo específico. Idosos no geral e mulheres idosas, principalmente, precisam estar com o tratamento em dia. Abandonar o tratamento ou nem ao menos iniciá-lo nestes casos é realmente perigoso.

“A osteoporose surge com a idade e no caso das mulheres é intensificada após a menopausa. Contudo, há também a osteoporose secundária, que pode surgir em qualquer momento da vida, pois está ligada a doenças e a medicações usadas para outras causas clínicas”, afirma Dra. Karla. Em todos esses casos há perda importante de massa óssea, o que implica no risco de fraturas. Para os idosos, especialmente, a quebra de ossos pode ser até mesmo fatal.

 

Dra. Karla de Sousa Frota é ginecologista e obstetra, graduada em Medicina pela Universidade de Brasília (UnB). CRM-DF: 16765

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
TAGS
ossos
osteoporose

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

3 comentários para "O que pode acontecer com os ossos de alguém que abandona o tratamento da osteoporose?"

Amélia C.C Barbosa

Tive câncer e estou fazendo tratamento pra osteoporose, eu acho um absurdo o valor dos medicamento a cada remédio eu gasto r$ 1.200,00 reais e os laboratório na maioria não dá desconto. Acho que os médicos podiam ajudar fazendo junto aos laboratórios uma pergunta; como medicar pra osteoporose se a maioria dos pacientes não tem condições de comprar remédios, já chega o governo né? Que nem tá aí pro povo. Att Amélia

Elizabete

Estou com 56 anos e o resultado do exame densitometria ossea deu ostoporose.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Elizabete, a osteoporose consiste na perda de massa óssea, o que significa que os ossos ficam mais frágeis e propensos a fraturas em qualquer tipo de queda. Além desta fragilização, outros sintomas são relevantes no quadro, como, por exemplo, a dor. Este incômodo tende a aparecer quando a doença atinge um patamar de maior gravidade. Para amenizar os sintomas da doença é muito importante seguir o tratamento indicado pelo médico com comprometimento. Desejamos Sucesso no seu tratamento. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.