Mantendo a imunidade alta: até qual idade é importante manter o tratamento das defesas do organismo?


  • +A
  • -A
Imagem do post Mantendo a imunidade alta: até qual idade é importante manter o tratamento das defesas do organismo?

Manter a imunidade em alta é muito importante em todas as fases da vida, mas em alguns períodos específicos, essa prática é ainda mais necessária. De acordo com a imunologista Roberta Silva, existem dois momentos em que o seu organismo necessita de maiores cuidados quanto à imunidade: após os 6 meses, quando diminuem os anticorpos maternos no sangue do bebê, e até os 4 anos de idade.

 

Cuidados com a imunidade devem seguir mesmo após os primeiros anos de vida

 


“A partir dos 4 anos o sistema imunológico do seu filho está mais maduro e melhor preparado para o combate às infecções. É um período da vida em que as infecções virais são mais frequentes e esperadas mesmo em crianças saudáveis”, aponta a especialista. “Mesmo assim, alguns fatores podem favorecer a complicação desses quadros já esperados para a idade, como início de creche precoce, irmãos, exposição a cigarro e poluição ambiental, alimentação desbalanceada e alergias descompensadas”.

É importante, portanto, que você avalie todos esses fatores que podem baixar o sistema imunológico para iniciar ou manter o tratamento específico, sempre de acordo com as orientações médicas. “Hábitos de vida saudável, como alimentação balanceada, sono de qualidade, reposição de vitaminas, evitar exposição a cigarro e controle dos quadros alérgicos, devem ser mantidos sempre em todos os momentos da vida. Dependendo da situação, pode ser necessário uso de imunoestimuladores por um período específico”.

 

Idosos também necessitam de atenção especial com a imunidade

 


A médica destaca também os idosos dentre os que mais precisam se preocupar com a imunidade, visto que a idade avançada se relaciona com um sistema imunológico mais frágil. Com o sistema imune não funcionando bem,
as complicações e a gravidade das doenças acabam sendo mais frequentes entre os idosos. Além disso, a recuperação de qualquer processo infeccioso costuma ser bem mais lenta.

“Isso ocorre porque o seu corpo já não produz mais anticorpos e células imunológicas como deveria e também pela maior frequência de doenças associadas, como o diabetes, que diminui o funcionamento do sistema imune. O controle dessas doenças é essencial nessa fase, assim como a garantia de uma alimentação balanceada e saudável. A carência de nutrientes na velhice é muito comum, o que também atrapalha a sua imunidade e o risco de infecções graves”, completa a imunologista.

 

Dra. Roberta Rodrigues da Silva é alergista, imunologista e atua em São Paulo. CRM-SP: 94054

Foto: Shutterstock

TAGS
dor-de-garganta
gripe
imunidade

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Mantendo a imunidade alta: até qual idade é importante manter o tratamento das defesas do organismo?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.