Iniciei meu tratamento contra a infecção da H. pylori. O que deve ser mudado na minha rotina?


  • +A
  • -A

A infecção provocada pela H. pylori exige que você tenha disciplina para seguir o tratamento necessário. A base deste tratamento é a utilização correta do antibiótico específico que será receitado pelo médico. Essa é a principal mudança em termos de rotina que você deve se preocupar: tomar a medicação nos horários certos e na exata quantidade de dias que o médico pediu.

 

Não tomar o medicamento corretamente pode comprometer todo o tratamento contra a H. pylori


Portanto, as mudanças na rotina são relativamente brandas e não há nada abrupto nesse sentido. Mesmo assim, muitas pessoas não conseguem ter essa disciplina de tomar o remédio corretamente, o que compromete muito o tratamento. “Durante o tratamento você deve se alimentar normalmente e observar o horário de tomada dos remédios, evitando deixar de tomar ou atrasar alguma dose”, afirma o gastroenterologista Fabio Luiz Maximiano.

Caso você tome os remédios de forma irregular, não respeitando os horários e esquecendo de tomar em alguns momentos, ou até mesmo abandone o tratamento antes da hora, a ação nociva da H. pylori vai persistir no seu organismo e a bactéria pode ainda se tornar resistente ao antibiótico. Nesse caso, é preciso procurar um outro remédio e iniciar o procedimento do zero, tudo com supervisão médica.

 

Cuidados que podem ser indicados no tratamento contra a H. pylori


Por mais que você possa se alimentar normalmente durante o tratamento contra a infecção da H
. pylori, algumas vezes pode ser indicada uma dieta. A ideia seria apenas cortar alguns alimentos que possam gerar desconforto ao estômago, que é justamente a região do corpo afetada pela bactéria. Como a infecção causa dor local intensa, evitar alguns alimentos, como refrigerantes, excesso de gordura, café, entre outros, pode ajudar a amenizar um pouco o desconforto.

O mesmo vale para os medicamentos que por vezes são indicados como complemento do tratamento, apenas para tentar diminuir os sintomas gerados pela infecção – especialmente a dor, que muitas vezes é intensa por conta da formação de úlceras no estômago. Seguir todas essas etapas do tratamento é realmente muito importante, ainda mais porque a H. pylori já foi relacionada em estudos com o câncer de estômago.    

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Fabio Luiz Maximiano

Dr. Fabio Luiz Maximiano

Gastroenterologia

CRM: 117078 / SP

TAGS
dores-no-corpo
gases

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "Iniciei meu tratamento contra a infecção da H. pylori. O que deve ser mudado na minha rotina?"

Fernanda

Me informe

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Fernanda. Conforme informado na matéria, a base deste tratamento é a utilização correta do antibiótico específico que será receitado pelo médico. Essa é a principal mudança em termos de rotina que você deve se preocupar: tomar a medicação nos horários certos e na exata quantidade de dias que o médico prescreveu. Abraços

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.