Sódio: saiba como reduzir a quantidade dessa substância em sua dieta


  • +A
  • -A

Na hora de temperar uma comida, geralmente pensamos no sal como o ingrediente principal. O cloreto de sódio, famoso sal de cozinha, possui 40% de sódio em cada grama, e na medida certa, o ele pode fazer bem a saúde sim, mas atualmente os brasileiros consomem o dobro da quantidade recomendada diária. A recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que um adulto consuma, no máximo, o equivalente a 5g de sal diariamente. Mas além do sal de cozinha, o sódio pode ser encontrado em diversos alimentos que ninguém se dá conta. Descubra como reduzir a quantidade dessa substância da sua dieta.

Alimentos industrializados contém alta quantidade de sódio

O sódio está muito presente nos alimentos industrializados, além de molhos como de soja ou prontos, atum enlatado, presunto ou mesmo peito de frango, além do chamado “sódio de adição” usado no preparo e no pós-preparo de alimentos. “Os alimentos naturais tem menos sódio. Tudo que é armazenado, com validade alta, tem alta quantidade de sódio, pois ele é um conservante”, explica a nutricionista Tatiana Vizani.

Em excesso, o sódio pode causar malefícios à saúde como hipertensão, além de reter líquido para baixar a pressão, o que deixa o corpo inchado podendo ocasionar em celulites. Mas, se consumido dentro da quantidade diária indicada, o sódio pode controlar o funcionamento do organismo, mantendo a homeostase e fazendo-o funcionar normalmente.

Dicas para substituir o sal no dia a dia

Não é difícil reduzir a quantidade de sal no dia a dia. É possível começar lendo os rótulos de alimentos industrializados para se conscientizar da quantidade que eles possuem. Evitar também alimentos em conserva – que é feita em sódio – e temperos prontos. “Dê preferência aos temperos naturais na hora de preparar refeições, como pimenta, orégano, alecrim. O sabor do sal vicia, é preciso tirá-lo aos poucos. Não precisa deixar de lado, mas todos esses ajudam a dar mais sabor com menos quantidade de sal nos alimentos”, indica Tatiana.

Os sais de ervas que podem ser preparados em casa também ajudam nessa transição, bastando unir temperos secos com um pouco de sal e guardar. “O sal rosa do Himalaia é menos refinado, mas ainda possui sódio em sua composição, então é preciso tomar cuidado. E existe também o gersal, uma mistura de sal e gergelim, uma semente rica em nutrientes, que pode substituir”, completa a nutricionista.

Tatiana De Carvalho Vizani é nutricionista. CRN 11100437

TAGS
cardiovascular
dieta
sal

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

1 comentário para "Sódio: saiba como reduzir a quantidade dessa substância em sua dieta"

Daniela

Esqueceram do sal light 50%sódio e 50% potassio !

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.