Quais são as principais fontes de vitamina E na alimentação?

  • +A
  • -A

Para termos uma saúde de qualidade é necessário reunir todos os nutrientes de forma balanceada. Nossa dieta deve ter, por exemplo, carboidratos, proteínas e vitaminas para que nosso corpo funcione de forma saudável. Mas quando tratamos sobre vitaminas, não é comum lembrarmos da vitamina E, que é pouco popular, porém muito importante para o organismo. Por isso, muitas pessoas não sabem nem onde encontrá-la. Confira alguns alimentos com vitamina E!

A importância da vitamina E


A vitamina E, também conhecida como tocoferol, é lipossolúvel, ou seja, solúvel em gorduras, e um potente antioxidante para o nosso corpo. Além disso, colabora para minimizar os efeitos do envelhecimento, fortalece o sistema imunológico dos praticantes de atividade física intensa e também é responsável por acelerar a cicatrização de ferimentos.

Os benefícios não param por aí. A vitamina E melhora a absorção da vitamina A no organismo, ajuda na reprodução dos seres humanos e na proteção contra doenças: “O nutriente auxilia na proteção a doenças crônicas como Parkinson, Alzheimer, câncer e problemas cardiovasculares e contribui na fertilidade feminina e masculina”, destaca a nutricionista Suely Iglesias.

Amendoim e soja são alimentos com vitamina E

Diante de tantos benefícios para a nossa saúde, resta saber onde podemos encontrar este nutriente tão bem-vindo às nossas mesas. Ele pode ser obtido em alimentos de origem vegetal, assim como de procedência animal. A nutricionista indica algumas fontes: “Vegetais verde-escuros, sementes oleaginosas (nozes, amêndoas, avelã, castanha do Pará) e nos óleos vegetais (amendoim, soja, palma, milho, cártamo e girassol)”. Gema de ovo e fígado também são exemplos de alimentos com vitamina E. 

A falta e o excesso de vitamina E


A recomendação da vitamina é variável, portanto, é individual e apenas se faz mediante a uma avaliação de um médico. Sabendo disso, vale ficar atento se sua dieta está com uma quantidade saudável do nutriente, que se não for consumido em doses aceitáveis, pode gerar problemas: “A deficiência pode causar disfunções neurológicas, musculares e atividades anormais das plaquetas, além de insônia, colesterol alto e até queda de cabelo”, aponta a Dra. Suely.

Sobre o consumo em abundância de vitamina E, segundo a especialista, “ainda não existem relatos em estudos com animais de toxicidade devido à alta ingestão do nutriente”.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Suely Iglesias

Suely Iglesias

Nutrição

CRM: 95100018 / RJ

TAGS
alimentacao
dieta
vitamina-e

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

7 comentários para "Quais são as principais fontes de vitamina E na alimentação?"

Helia

Muito interessante. De fundamental importância esse tema.

Márcia

E qual é a quantidade diaria recomendada dessa vitamina? Como saber se estamos ingerindo a quantidade suficiente?

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Marcia, conforme informado na matéria a recomendação da vitamina E é variável, portanto, é individual e apenas se faz mediante a uma avaliação de um médico. Até breve.

Ana Paula

Quero receber mais informAções

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Ana Paula, clique no link abaixo para conferir mais matérias sobre a vitamina E. Até logo.

https://cuidadospelavida.com.br/busca/vitamina%20e

Santina uso hemama para eliminar liinfonodos no seio. Será que estou certa? Gostaria de usar alimentos para ajudar. Pois os médicos não orientam.

undefined

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.