Dieta X calorias: descubra 5 erros de quem vive a restrição alimentar mas não consegue emagrecer


  • +A
  • -A
Imagem do post Dieta X calorias: descubra 5 erros de quem vive a restrição alimentar mas não consegue emagrecer

O primeiro passo para quem quer emagrecer é fechar a boca e cortar as calorias da dieta, certo? Pode parecer que sim, mas não é tão simples. Apesar da restrição alimentar ser, de fato, fundamental para qualquer processo de perda de peso, quando feita de qualquer maneira, pode acabar saindo pela culatra e, pior, causar problemas de saúde.
Quem entra nessas dietas mirabolantes sabe como é difícil fugir de tentações mais calóricas, mas, mesmo assim, não perder 1g sequer. Isso acontece porque os alimentos não são os únicos participantes nesse processo, já que cada organismo possui suas individualidades e necessidades metabólicas, tanto para o ganho quanto para a perda de massa corporal. A nutricionista Caroline Codonho afirma que esse tipo de frustração é muito comum em quem deseja emagrecer sem um acompanhamento especializado.

Confira – e evite! – os principais erros que acontecem em dietas
1) Restrição calórica: “Em geral as pessoas que estão em busca de emagrecimento acreditam que comer pouco é o segredo para um emagrecimento efetivo, quando, na verdade, o equilíbrio no consumo de diferentes grupos de alimentos é o que contribui para um emagrecimento saudável”, diz Codonho.

 

2) Omissão de refeições: “Deixar de jantar, por exemplo, é bastante comum e também um erro clássico. A distribuição das refeições, assim como o seu conteúdo nutricional, deve ser estabelecido de acordo com as necessidades e a realidade de cada um”, adverte a nutricionista.

 

3) Consumo exacerbado de produtos industrializados: “Alimentos diet, light, zero, free… Em geral, eles diminuem as calorias, mas adicionam diversos conservantes e espessantes, dando uma falsa ideia de alimento saudável, quando na verdade estão sendo consumidas mais e mais toxinas”, enfatiza a profissional.

 

4)Falta de acompanhamento de profissional especializado: “Dietas feitas sem acompanhamento de um especialista, em geral, levam a má nutrição, cansaço, sonolência e irritabilidade. A orientação profissional possibilita a combinação entre emagrecimento e o equilíbrio das necessidades individuais”, destaca a nutricionista.

 

5) Baixa hidratação: “Hidratar-se é fundamental para auxiliar na eliminação de toxinas acumuladas no tecido adiposo do paciente em busca do emagrecimento, assim como melhora a sensação de saciedade. A hidratação deve ter como base o consumo de água e não de bebidas industrializadas!”, finaliza Codonho.

Dra. Caroline Codonho é nutricionista especializada em Fisiologia e Metabolismo com aplicação em Atividade Física e Nutrição pela Universidade de São Paulo (USP). CRN: 13100445

 

TAGS
alimentacao
dieta
emagrecer

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "Dieta X calorias: descubra 5 erros de quem vive a restrição alimentar mas não consegue emagrecer"

Regina

Sou dessas que vive brigando com a balança. Eu tenho muita dificuldade em seguir uma dieta, no começo eu me empolgo, compro várias coisas “lights” mas depois… Não é fácil! Eu queria saber se existe alguma lista de alimentos de substituições, tipo: Estou com muita vontade de comer doce, o que eu poderia comer para ajudar a combater essa vontade? Eu estou com muita fome, mas não quero enfiar o pé na jaca, o que eu poderia comer que me traria maior saciedade? Obrigada!!!

Cuidados Pela Vida

Oi Regina, além de abandonar hábitos que não são saudáveis, é importante procurar um nutricionista. O profissional fará sua anamnese alimentar, um questionário no qual são coletadas informações da sua rotina. Quando o nutricionista consolidar todas as avaliações (corporal e clínica) realizadas na consulta, ele conseguirá traçar um plano alimentar totalmente individualizado. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.