Quem tem diabetes pode consumir mel com moderação?


  • +A
  • -A

O tratamento do diabetes tem como objetivo manter os níveis de açúcar no sangue sob controle. Esta tarefa está diretamente relacionada à quantidade de carboidratos ingeridos por meio dos alimentos. O mel, assim como o açúcar e o adoçante, é um ingrediente composto por carboidratos e deve ser consumido com precaução.

Grandes quantidades de mel podem elevar nível de açúcar no sangue


“Apesar de o mel ser uma fonte natural de açúcar, também eleva os níveis sanguíneos de glicose. O mel funciona como uma solução concentrada de açúcar, sendo rico em carboidratos e calorias. Então, quem prefere o sabor do mel deve consumi-lo em quantidades reduzidas, com moderação”, aconselha a endocrinologista Daniele Zaninelli.

Uma das atitudes que auxiliam o paciente diabético a manter o índice glicêmico controlado é contar a quantidade de gramas de carboidratos ingeridos nas refeições e também fora delas, baseando-se nas informações nutricionais contidas nos rótulos. De acordo com a especialista, é importante contar os carboidratos do mel como parte do plano de consumo diário do diabetes.

Adoçante pode substituir o consumo de açúcar


Uma alternativa ao mel e ao açúcar é o uso de adoçantes, sempre em moderação. “Por não conter açúcar, os adoçantes são uma boa opção para os pacientes diabéticos, que podem lançar mão dessa ferramenta para adoçar bebidas e alimentos, reduzindo o consumo de carboidratos e evitando elevações adicionais nos níveis glicêmicos”, orienta Daniele.

A atenção à dieta, no entanto, não se resume à ingestão de mel e ao uso de açúcar e adoçante junto a outros alimentos. “As frutas devem fazer parte do planejamento alimentar e seu consumo deve ser feito com moderação, já que contêm carboidratos. Em excesso, podem favorecer o ganho de peso, o que também interfere no controle do diabetes”, alerta a endocrinologista.

Dra. Daniele Zaninelli é endocrinologista formada pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e atua em Curitiba. CRM-PR: 16876

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
TAGS
alimentacao
diabetes
glicose

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

7 comentários para "Quem tem diabetes pode consumir mel com moderação?"

Luiz

Que quantidade de mel um diabético poderia consumir por dia?

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Luiz, o tratamento do diabetes tem como objetivo manter os níveis de açúcar no sangue sob controle. Apesar de o mel ser uma fonte natural de açúcar, também eleva os níveis sanguíneos de glicose; por isso é importante contar os carboidratos do mel como parte do plano de consumo diário do diabetes. Realize uma consulta com o nutricionista para que ele possa indicar uma dieta adequada para o seu caso. Abraços.

Luiz Antonio

a grande preocupação em relação ao mel, é saber a procedência do mesmo, pois pode até piorar os niveis

Luiz Paulo Soares

Quero aprender alimentar! Tenho diabetes tipo 2

Luci

Tenho diabetes tipo 2 controlada,minha taxa de manhã é 80 a 90,posso de vez em quando tomar cerveja,ou vinho?

Janice Pedroso

Tenho diabetes tipo 2, minha taxa de manhâ é controlada 80,90,100. A tarde aumenta muito tem dia que chega a 250. Tomo o medicamento Meritor 4/100 e Jardiance 25mg.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Janice, é importante que a dieta do paciente diabético seja regrada e balanceada. Caso sentir necessidade, procure ajuda de um médico. Confira uma matéria sobre alimentação que pode lhe ajudar: https://cuidadospelavida.com.br/cuidados-e-bem-estar/alimentacao/dieta-diabetes-alimentos-controlar-doenca. Abraços!

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.