Depressão: Veja alimentos que podem prejudicar o tratamento da doença


  • +A
  • -A

Não é de hoje que médicos, nutricionistas e outros profissionais da área da saúde destacam o papel da alimentação na qualidade de vida e no tratamento de doenças. No caso de pacientes com depressão, não poderia ser diferente. “De forma empírica, podemos dizer que a alimentação saudável, rica em nutrientes e vitaminas, ajuda a pessoa a melhorar a disposição e se sentir com mais energia”, afirma a psiquiatra Monica Zilberman.

Excesso de gorduras trans e saturada pode atrapalhar tratamento da depressão


A alimentação não é capaz de levar um paciente a um quadro depressivo sozinha, até mesmo porque a doença é causada por uma série de fatores. No entanto, a comida pode interferir na evolução do problema. “Dietas muito restritivas em carboidratos são contraproducentes, porque os carboidratos ajudam a dar uma sensação de bem-estar. Para quem está deprimido, cada componente ajuda no resultado final”, explica a especialista.

Já algumas substâncias presentes nos alimentos podem atrapalhar a eficácia do tratamento. É o caso da gordura trans, encontrada em produtos de padarias e confeitarias, como bolos, biscoitos, sorvetes e outros doces. Nutricionistas também indicam que ingredientes ricos em gordura saturada, como salsicha e manteiga, também devem ser evitados.

Bebidas alcoólicas não combinam com quem sofre com a depressão


Mas, um produto que é unanimidade entre os que podem prejudicar o tratamento da depressão é o álcool. O consumo de bebidas alcoólicas piora a doença e dificulta a busca e a realização correta das medidas indicadas pelo psiquiatra. Além disso, a associação entre alcoolismo e depressão pode propiciar o desenvolvimento de outros transtornos, como problemas ligados à ansiedade exagerada.

Por outro lado, estudos indicam que alimentos ricos em triptofano podem se tornar aliados do tratamento. A substância é muito encontrada em frutas cítricas e chocolates. O magnésio, o cálcio, o ácido fólico e a vitamina B6 também devem estar presentes na alimentação. Invista no consumo de leite desnatado, legumes e verduras verdes e oleaginosas, como a castanha do pará.  

Dra. Monica Zilberman é psiquiatra formada pela Faculdade de Medicina da USP e atende em São Paulo. CRM-SP: 72538

Foto: Shutterstock

TAGS
alimentacao
depressao
psicologico
alcool

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

8 comentários para "Depressão: Veja alimentos que podem prejudicar o tratamento da doença"

Roberto Perracini

No meu caso foi ao contrário, depois de 16 anos sofrendo de depressão, por conselho do meu psiquiatra, fiz uma dieta de carboidratos e melhorei muito. Já fazem 10 meses que não tenho mais nada.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Roberto, por isso é muito importante o acompanhamento profissional no tratamento de qualquer doença, pois cada paciente tem um tratamento especifico e mais adequado dependendo do quadro clinico de cada um. Até a próxima.

jose carlos

faço tratamento contra depressão,já fazem 10 anos,tive que trocar meus remédios de maxapram 20mg por reconter,e o alprazolam 20mg por menelate estou muito melhor.so que estou engordando,gostaria de saber o porque…

CUIDADOS PELA VIDA

Olá José, é de suma importância que você consulte seu psiquiatra para que diante de uma consulta presencial ele possa verificar com exames a possível causa do seu ganho de peso. Até logo.

Izilda

Bom ter este tipo de informação. Pois não sabia da influência da gordura saturada no caso da depressão.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Izilda, ficamos alegres por saber que nossas matérias tem te auxiliado. Conforme informado estudos indicam que alimentos ricos em triptofano podem se tornar aliados do tratamento. A substância é muito encontrada em frutas cítricas e chocolates. Temos mais uma matéria que pode te ajudar também trazendo novos conhecimentos, confira no link abaixo , abraços.

Antonio

Deveriam aproveitar este canal para indicações mais precisas… nos dias atuais, nas indicações internacionais, uma série de alimentos colaboram no equilíbrio da doença…

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Antonio, uma boa alimentação além de poder amenizar os sintomas da depressão contribui como um todo na vida do paciente melhorando em vários aspectos trazendo benefícios adicionais melhorando a imunidade do corpo, diminuição da pressão arterial entre outras. Até logo.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.