AchèAchè
search
Título

Entenda como a obesidade pode agravar doenças respiratórias como a apneia do sono

Pulmão

Por

14 de novembro de 2023

A obesidade é um acúmulo anormal de gordura corporal e que, além de já ser um problema por si só, acarreta em várias outras implicações à saúde em médio ou longo prazo, como a apneia do sono. “É a dificuldade respiratória durante o período em que a pessoa dorme. Ela é uma das consequências das doenças graves causadas pela obesidade. Normalmente acomete quem tem IMC acima de 30”, explica o Dr. José Carlos Pareja, médico-cirurgião especializado em obesidade.

A relação obesidade X apneia do sono e seus riscos

Segundo o médico, a apneia é um problema cardiovascular que atinge de 20 a 25% das pessoas obesas e deve ser tratada porque a pessoa corre risco de morte. Em muitos casos, ela é percebida apenas pelo companheiro (a) que dorme com o portador e nota o ronco mais alto, mais longo e percebe que, em alguns casos, a pessoa até para de respirar por alguns segundos. “O ronco muito forte ocorre porque a pessoa está na posição horizontal e o oxigênio enfrenta dificuldade para entrar nos pulmões devido à pressão do peso da barriga (intra-abdominal)”, diz.

A apneia desregula as funções cerebrais que controlam a saciedade do indivíduo, por isso toda pessoa que tem apneia tem dificuldade para emagrecer, porque o cérebro não oxigena e a pessoa sente sempre muita fome. “Outro problema grave é a apneia diurna, que acontece quando a pessoa não dormiu bem à noite e durante o dia ela corre o risco de apagar, porque ele tem tanto sono que perde a consciência. Isso é uma das maiores causas de acidentes nas estradas”, ressaltou o profissional.

Uma doença grave

A apneia é uma doença grave para os obesos que pode levar ao óbito e atinge tanto crianças quanto adultos. Dentre seus sintomas noturnos podem ser observados sensação de sufoco, dificuldade para respirar e aumento do ronco (além de muito alto). Já durante o dia os sintomas são dificuldade para respirar, cansaço e apagão.

O tratamento para apneia

A solução está em um estilo de vida saudável, incluindo alimentação e exercícios físicos. Quando a obesidade é tratada, a apneia se cura sozinha entre 60 e 70% dos casos. “O único jeito de tratar a apneia sem cirurgia é perdendo peso, que deve ser feito sob orientação médica, com alimentação balanceada e exercícios. Não adianta tomar remédio para emagrecer sem orientação médica. Isso é um perigo”, alerta Pareja. O profissional reforça que o que funciona é reeducação alimentar. “Quanto mais devagar você perder peso, melhor. A gravidade da apneia é com o peso, por isso é tão importante manter uma vida de hábitos saudáveis”, finaliza.

Newsletter
Compartilhamento

Posts relacionados

Artigos
Tuberculose: Saiba tudo sobre a doença, como é transmitida e seus sintomas

A tuberculose é uma doença que ataca principalmente os pulmões, mas também pode afetar outros órgãos do corpo. É uma das principais causas de morte por doenças infecciosas no mundo e afeta milhões de pessoas a cada ano. No texto abaixo, entrevistamos a pneumologista Thais Reis, que explica tudo o que você precisa saber sobre […]

Artigos
Abscesso Pulmonar: Sintomas, Causas, Diagnóstico e Tratamento

O abscesso pulmonar é uma condição séria que envolve a formação de uma cavidade cheia de pus no pulmão, circundada por tecido inflamado. Essa condição ocorre devido a uma infecção microbiana que resulta na necrose do tecido pulmonar. Embora tenha sido uma doença devastadora no passado, com altas taxas de mortalidade, o diagnóstico e o […]

Artigos
Embolia Pulmonar: Um Guia Completo sobre Causas, Sintomas, Tratamentos e Prevenção

A embolia pulmonar é uma condição grave que ocorre quando uma ou mais artérias pulmonares são obstruídas por um coágulo sanguíneo ou outras substâncias, como gordura, células cancerosas ou bolhas de ar. Essa obstrução impede a passagem adequada do sangue para o pulmão, resultando em uma série de sintomas e complicações potencialmente fatais. Neste guia […]

Converse com um dos nossos atendentes