Tratamento para varizes: as primeiras recomendações que você deve seguir


  • +A
  • -A

Em um tratamento de varizes, é preciso que você adote algumas práticas e hábitos simples para controlar e amenizar a doença. Evitar uso de roupas apertadas, elevar as pernas sempre que possível e usar meias de compressão são exemplos imediatos. Contudo, essas não são as primeiras recomendações do tratamento, segundo o angiologista Jayme Ramos. Para ele, tudo se inicia na fase de prevenção.

Prevenção e tratamento precoce são chaves para evitar varizes e suas complicações


“Acredito que as primeiras recomendações sejam tentar evitar o desenvolvimento das varizes. Como as varizes são veias que se dilataram e se deformaram, se você conseguir conter os fatores de risco, como obesidade, sedentarismo e hipertensão venosa, o desenvolvimento das veias varicosas será retardado. Consequentemente,
suas complicações irão diminuir”.

É importante ressaltar que quanto mais cedo você iniciar o tratamento, inclusive na fase de prevenção do desenvolvimento das varizes, mais complicações irá evitar. “Úlceras venosas, edemas e tromboflebites são exemplos de complicações”. Além disso, ao começar o tratamento o mais cedo possível você consegue, por vezes, evitar métodos intervencionistas ou mais agressivos, mantendo um resultado satisfatório mesmo assim.

A importância do medicamento específico

É importante destacar que o paciente deve seguir à risca a recomendação médica, especialmente com o medicamento indicado na receita. Alguns remédios para varizes, devido a características de sua formulação, não podem ser, de forma segura, equiparados a outras opções do mercado, mesmo que tenham, aparentemente, a mesma composição. Por isso, para garantir a eficiência do tratamento e a sua segurança, é melhor seguir a prescrição.

Sintomas e causas das varizes


Os primeiros sintomas que indicam que as varizes precisam ser tratadas são dores
e inflamações. “As veias varicosas podem também estar trombosadas e associadas a sintomas de hipertensão venosa (insuficiência venosa), tais como: alteração da cor da pele, alteração da estrutura da pele, úlceras venosas e edemas”.

O médico aponta que você não deve ver a doença como algo isolado, mas sim como uma síndrome, já que existem diversas causas envolvidas. “Juntas, as causas relacionadas a um quadro de varizes contribuem para gerar uma veia varicosa. Dentre essas causas temos as teorias de hereditariedade e de insuficiência venosa, sobrepeso, sedentarismo etc”.

Dr. Jayme Ramos é angiologista e cirurgião vascular e atende em seu consultório no Rio de Janeiro. CRM: 52663859

Foto: Shutterstock

TAGS
obesidade
varizes

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

1 comentário para "Tratamento para varizes: as primeiras recomendações que você deve seguir"

Elessandra santosa da silv

como previno as varizes.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.