TOC: a terapia ajuda a reduzir alguns dos efeitos nocivos na vida dos pacientes?


  • +A
  • -A

Caracterizado pelos rituais, comportamentos repetitivos e pensamentos intrusivos e estressantes, o transtorno obsessivo compulsivo, ou TOC, é uma doença psiquiátrica capaz de interferir no dia a dia não só do paciente, mas de toda sua família. Em casos graves, o problema é capaz de tornar o indivíduo incapaz de realizar seu trabalho e isolá-lo socialmente.

Terapias eficazes no combate ao TOC

O transtorno requer tratamento e uma das formas mais utilizadas é a terapia.  “As psicoterapias ajudam a reduzir os prejuízos causados pelo TOC na vida dos pacientes, como manejo dos pensamentos intrusivos, diminuição dos rituais e menor sofrimento causado pelos sintomas”, explica  a psiquiatra Erika Mendonça de Morais.

Segundo Erika, as terapias costumam ser bastante eficazes no tratamento para o transtorno obsessivo compulsivo: “O tipo de psicoterapia com maior evidência de eficácia é a terapia cognitivo-comportamental, que pode ser individual ou em grupo. Ela funciona com a exposição do paciente, prevenção de respostas e técnicas cognitivas.”

Tratamento sem contraindicação

Alguns casos requerem a psicoterapia familiar, utilizada quando o comportamento dos membros da família colabora para a manutenção ou agravamento do transtorno no paciente. A profissional cita ainda as terapias psicodinâmicas de orientação psicanalítica, embora com menos evidências científicas, que atuam no inconsciente e funcionam com base na relação entre psicoterapeuta e paciente.

A psiquiatra conta também que não há contraindicações para as psicoterapias no tratamento do TOC. As atividades podem ser benéficas mesmo quando o paciente não faz uso de medicamentos. Entretanto, as evidências mostram que o tratamento que combina o uso de medicação com o auxílio da psicoterapia costuma obter melhores respostas.

Dra. Erika Mendonça de Morais é psiquiatra formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e atua em São Paulo. CRM-SP: 124933

TAGS
psicologico
toc

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "TOC: a terapia ajuda a reduzir alguns dos efeitos nocivos na vida dos pacientes?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.

x

Parabéns

Em breve sua revista chegará em sua casa

Percebemos que você gostou do nosso conteúdo. Quer receber nossa revista em casa?

Preencha o formulário com seus dados que enviaremos para você!

* IMPORTANTE: Isso não é uma assinatura. Você receberá apenas esta edição da Revista CUIDADOS PELA VIDA.