O que são sintomas obsessivos compulsivos? Como diferenciar do TOC?


  • +A
  • -A

Um homem que lava as mãos repetidamente, uma mulher que checa se trancou a porta de casa por mais de dez vezes ou uma criança que repete uma frase incessantemente. Situações como essas são exemplos das manifestações do transtorno obsessivo compulsivo, também conhecido pela sigla TOC.

Obsessões e compulsões

O TOC é um distúrbio psiquiátrico cujos sintomas são as obsessões e as compulsões. “Obsessões são pensamentos intrusivos que o paciente não é capaz de controlar. Já as compulsões são os comportamentos ou rituais que o paciente realiza para aliviar os pensamentos obsessivos”, afirma o psiquiatra Miguel Angelo Boarati.

A mente de um paciente com TOC é inundada, por exemplo, pela ideia de que ele será contaminado por vírus, bactérias e pela sujeira. Isso é a obsessão, que se transforma em compulsão a partir do momento em que o doente não consegue se controlar e passa a lavar as mãos repetidamente para se livrar do problema e eliminar a ansiedade e o estresse causados pela obsessão.

A diferença entre TOC e SOC

No entanto, é possível apresentar esses mesmos sintomas e não desenvolver a doença. É o que a Psiquiatria chama de sintomas obsessivos compulsivos, ou SOC, que são mais leves e se manifestam em boa parte das pessoas. É o caso das pessoas que checam, mas por poucas vezes, se o gás do fogão está desligado e se apagaram a luz ao sair de casa.

Nessas situações, os sintomas são considerados normais e parte da rotina, mas eles podem evoluir e interferir no dia a dia, se transformando no TOC. “Para ser TOC, o paciente precisa perder tempo significativo do seu dia com a realização dos rituais. Além disso, o paciente apresenta grande sofrimento e fica muito disfuncional”, diz o especialista.

Dr. Miguel Angelo Boarati é psiquiatra formado pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP e atende em São Paulo. CRM-SP: 85105

TAGS
psicologico
toc

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "O que são sintomas obsessivos compulsivos? Como diferenciar do TOC?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.