Obesidade e hipertensão: A perda de peso pode ajudar a reduzir a pressão?


  • +A
  • -A

Caracterizada pela elevação da pressão dos vasos sanguíneos, a hipertensão arterial pode ser agravada por diversos fatores, dentre eles a obesidade. Isso porque indivíduos considerados obesos se alimentam com excesso de carboidratos, gorduras e sal, além de não praticarem exercícios físicos. Tudo isso vai em absoluto desencontro com o que se recomenda para evitar um quadro de pressão alta.

Alimentação ruim pode resultar em obesidade e hipertensão  


“A obesidade está diretamente relacionada à ingestão inadequada de alimentos ricos em calorias, como excesso de carboidratos (açúcares), gorduras, sal e também está associada ao sedentarismo, ou seja, à inatividade física. Portanto, um desequilíbrio entre uma ingestão maior e um gasto menor gera uma balança que tende a favor do ganho de peso”, comenta o cardiologista Rubens Mattar Júnior.

Segundo o médico, uma vez que uma pessoa se torna obesa ela passa a experimentar modificações hormonais, tais como o aumento dos níveis de insulina e a maior retenção de sódio pelos rins. Estes fatores contribuem significativamente para o desenvolvimento da hipertensão arterial.

Importância da perda de peso para diminuir riscos de obesidade e pressão alta


Sendo assim, entende-se que a adoção de hábitos saudáveis é vital para evitar tanto a obesidade quanto a pressão alta. “Uma alimentação balanceada com menor teor calórico e menos sal, além da prática de atividades físicas, vão promover um equilíbrio entre oferta e consumo necessários​ à manutenção adequada do peso. Isto vai refletir em melhora da tolerância da glicose, do perfil lipídico e do aumento da tolerância ao exercício”.

Rubens destaca ainda estudos que mostram que a redução de 10kg do peso corporal, mesmo sem restrição de sal dietético, ocasiona redução da pressão arterial. “A perda de peso facilita o controle da pressão e também diminui a atividade plasmática da renina e da aldosterona, fatores estes que, quando aumentados na sua ativação, promovem a hipertensão arterial”.

Dr. Rubens Mattar Júnior é cardiologista, graduado pela Faculdade de Medicina de Uberlândia (MG) e atende em São Paulo. CRM-SP: 30054

Foto: Shutterstock

TAGS
emagrecer
obesidade
pressao-alta

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Obesidade e hipertensão: A perda de peso pode ajudar a reduzir a pressão?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.