Bronquite: Quais são as principais causas e sintomas? Tem cura? Como é o tratamento? Descubra!


  • +A
  • -A

A bronquite é uma doença que afeta as vias aéreas, especificamente as estruturas chamadas de brônquios, por onde passa o ar em direção ao pulmão. O problema surge diante do contato do corpo com vírus e outros organismos e substâncias, que acabam provocando uma inflamação e um estreitamento exagerado dos brônquios. A bronquite pode ser dividida em dois tipos: aguda e crônica.

 

Qual a diferença entre bronquite aguda e crônica?

 


“A crise aguda é caracterizada por sintomas que pioram ao longo de horas e de dias e, geralmente, levam as pessoas a procurarem atendimentos de emergência”, explica o pneumologista Ramiro Sienra. Esta forma é mais comum e é frequentemente causada por vírus que atingem o sistema respiratório. No entanto, substâncias irritativas, como poeira, fumaça e perfumes, também podem provocar uma crise de bronquite aguda.

Já a bronquite crônica é resultado, principalmente, do contato do organismo com o cigarro, mas também com a poluição. Este tipo faz parte da DPOC, doença pulmonar obstrutiva crônica, e a maioria dos casos costuma ser irreversível. “Uma vez que um indivíduo teve bronquite na infância e tem recorrência dos sintomas depois dos 20 anos, as chances de conviver com a doença para o resto da vida são muito altas”, alerta o especialista.

 

Chiado, tosse e falta de ar são sintomas da bronquite

 


O estreitamento dos brônquios provoca alguns sintomas presentes tanto na bronquite crônica quanto na aguda. Coriza, cansaço, chiado no peito, dor nas costas, irritação na garganta e dificuldade para respirar são alguns. O paciente que sofre com a forma aguda da doença também pode sentir mal-estar e apresentar febre.

A tosse, no entanto, é o principal sintoma da bronquite. Ela apresenta diferenças entre as duas formas da infecção: nas crises agudas, a tosse pode ser seca ou produtiva, mas na crônica, ela sempre tem catarro. Além disso, a bronquite crônica aumenta a chance do paciente desenvolver outras infecções, como resfriados, gripes e pneumonia.

 

Tratamento da bronquite aguda reduz a falta de ar

 


A maior parte dos casos de bronquite aguda é leve, com tendência a durar entre uma e duas semanas e com melhora dos sintomas mesmo sem tratamento. No entanto, pessoas mais vulneráveis, como idosos, crianças, portadores de doenças crônicas e imunodeprimidos, devem procurar atendimento médico para evitar pioras no quadro.

O tratamento da bronquite aguda varia de acordo com a causa. “O tratamento visa diminuir a inflamação das vias aéreas e também aumentar seu calibre. Assim, é feito por meio de corticosteroides e de broncodilatadores inalatórios”, afirma Sienra. Nos pacientes em que há infecção bacteriana, é preciso também utilizar antibióticos.


Não fumar é a principal forma de combate à bronquite crônica

Já o tratamento da bronquite crônica visa frear a progressão da doença, com medicamentos que auxiliam na redução de inflamações nos brônquios. O paciente também deve abandonar o tabagismo e buscar distância de substâncias que podem agravar os sintomas, como pólen, ácaros, poeira e poluição. Repouso, alimentação saudável e hidratação adequada também são importantes no tratamento.


 

Dr. Ramiro Sienra é pneumologista, formado pela Faculdade de Medicina da USP e atende em São José dos Campos (SP). CRM-SP: 139797

 

Foto: Shutterstock

TAGS
bronquite
cigarro
dpoc
respiracao
tosse

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

5 comentários para "Bronquite: Quais são as principais causas e sintomas? Tem cura? Como é o tratamento? Descubra!"

Robson castro da Silva

Eu fui diagnosticado com a bronquite Qual é o meu repouso para que a doença posso assumir rápido o ar condicionado ligado faz mal Qual são os meus cuidados que devo evitar para que eu possa me recuperar mais rápido.

Edila Maciel Martins

Boa tarde!Meu neto de 2 anos e meio tem bronquite,e quero saber se a poeira e cheioro de perfume etc….pode fazer mal? Existem remedios caseiros pra evitar? Hum e a mãe dele minha filha tem pode ser genético? Obrigada

Cuidados Pela Vida

Boa tarde Edila,Substâncias irritativas, como poeira, fumaça e perfumes, também podem provocar uma crise de bronquite aguda.
Buscar distância de substâncias que podem agravar os sintomas, como pólen, ácaros, poeira e poluição. Repouso, alimentação saudável e hidratação adequada são importantes no tratamento.Visitas frequentes ao médico, diagnóstico precoce da doença e uso adequado dos medicamentos prescritos são muito importantes para evitar as crises.

Luiza

OI BOA TARDE UMA DÚVIDA EM 2016 EU ESTAVA COM UMA TOSSE MUITO FORTEGA DE CUSPI CATARRO TIV E FEBRE E MUITA DOR DE CABEÇA QUANDO MEU PAI RESOLVEUM ME LEVAR NO MÉDICO ME DIAGNOSTICADA COM BRONQUITE CRÔNICA MEDIDO ME REICETOU UM REMÉDIO MELHOREI MAS NO COMEÇO DE 2017 VOLTOU DR NOVO. TENHO UMA DÚVIDA QUANDO A GENTE PEGAR BRONQUITE TEM QUE SER TOMAR O REMÉDIO TODO ANO? OU TOMAR ATÉ MELHORA?

Cuidados Pela Vida

Oi Luiza, visitas frequentes ao médico, diagnóstico precoce da doença e uso adequado dos medicamentos prescritos são muito importantes para evitar as crises.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.