A ansiedade tem cura? Psiquiatra tira dúvida sobre transtorno!


  • +A
  • -A

Assim como acontece com os demais transtornos psicológicos, a ansiedade vem sendo estudada há anos, com cada vez mais avanços obtidos. No entanto, ainda não se sabe ao certo o motivo de seu desenvolvimento, assim como o dos demais transtornos. Sendo assim, estabelecer uma cura para tais complicações torna-se uma missão difícil.

Tratamento para ansiedade


“Os transtornos de ansiedade não têm cura. O prognóstico é bastante variável. Há pacientes que fazem tratamento por um tempo e não voltam a ter o quadro novamente, há pacientes que têm vários episódios na vida e há pessoas que precisam fazer uso contínuo de medicamentos. Quando uma pessoa está assintomática, com ou sem o uso de medicação, dizemos que ela está em remissão do quadro, mas não curada”, explica a psiquiatra Erika Mendonça.

O tratamento é feito no intuito de reduzir ao máximo os riscos de crises e acentuação dos sintomas, o que por si só já é ótimo para o paciente. Contudo, um tratamento bem feito não é o suficiente, já que há outros fatores envolvidos, como predisposição genética e estilo de vida. “Uma pessoa pode fazer um tratamento bem feito e apresentar outros episódios ao longo da vida. O tratamento diminui a chance disso acontecer, mas, novamente, não pode ser considerado uma cura”.

Diferenças entre os transtornos de ansiedade e avanços nos estudos


Apesar dos transtornos de ansiedade terem os mesmos sintomas (tensão, inquietação, preocupação excessiva), incluindo os físicos, como tremores, sudorese e taquicardia, eles apresentam características próprias. “Os principais transtornos de ansiedade são: transtorno de pânico, transtorno de ansiedade generalizada, transtorno de estresse pós-traumático e fobias”, lista Erika.

Apesar de frisar que não existe cura para a ansiedade, a médica aponta que há avanços no sentido de se entender melhor a fisiopatologia do transtorno, isto é, os mecanismos cerebrais envolvidos. A ansiedade é uma importante causa de incapacidade no mundo, considerando o sofrimento gerado. Os transtornos são bastante comuns afetando por volta de 28% das pessoas ao longo da vida. Logo, são sim bastante estudados.

Dra. Erika Mendonça de Morais é psiquiatra formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e atua em São Paulo. CRM-SP: 124933

Foto: Shutterstock

TAGS
ansiedade
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "A ansiedade tem cura? Psiquiatra tira dúvida sobre transtorno!"

Leide

Amytril e pra asiedade

Cuidados Pela Vida

Olá Leide, informamos que o medicamento Amytril não é fabricado pelos Laboratórios Aché ou Biosintética. Orientamos a entrar em contato com o fabricante ou com o médico que prescreveu o medicamento para que possa esclarecer suas dúvidas. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.