Quanto tempo costuma durar a síndrome das unhas frágeis depois do início do tratamento?


  • +A
  • -A

A síndrome das unhas frágeis é uma condição relativamente comum e afeta cerca de 20% da população, a maioria mulheres. Depois que o tratamento adequado é definido e iniciado, a recuperação das unhas costuma levar entre 6 e 9 meses para ocorrer. A velocidade de crescimento da unha de cada indivíduo será determinante para estabelecer com exatidão este período de tempo.

“A recuperação total das unhas depende do fator desencadeante. No caso dos fatores ambientais, desde que estes sejam adequadamente controlados, é possível a recuperação total, com o tratamento adequado. No caso das doenças sistêmicas e afecções dermatológicas, é necessário o tratamento da doença de base”, explica a dermatologista Ana Caroline Barreto.

 

Fatores que colaboram para o surgimento da síndrome das unhas frágeis

 


As causas mais comuns da síndrome das unhas frágeis são benignas e facilmente tratáveis. Dentre elas, pode-se citar a exposição a agentes químicos (solventes, sais), cosméticos (como o formaldeído presente em alguns esmaltes), água (quando em excesso), traumas repetitivos, infecções (como as micoses de unha), dentre outros fatores externos.

Fatores internos, como doenças sistêmicas e afecções dermatológicas, também podem ocasionar a síndrome das unhas frágeis. Hipotireoidismo, diabetes, anorexia, alterações circulatórias e anemia são alguns exemplos. “Há ainda os fatores que podem atuar de maneira cumulativa, determinando maiores alterações nas unhas ao longo do tempo. Uma das causas mais frequentes, e alguma vezes negligenciadas, é o uso excessivo de removedores de esmalte, que promovem ressecamento excessivo da unha”, diz Ana Caroline.


Tratamento para a síndrome das unhas frágeis

 


O tratamento contra síndrome das unhas frágeis deve ser sempre baseado no fator desencadeante, mas algumas medidas auxiliam de uma forma mais geral. Por exemplo, deve-se evitar a desidratação e a umidificação excessivas das unhas, assim como traumas e substâncias irritativas.

“Nos casos de exposição excessiva à água, o uso de luvas de proteção é recomendável. Em todas as formas de síndrome de unhas frágeis, a aplicação de hidratantes nas unhas é válida. Agentes fortalecedores ungueais também podem ser úteis, assim como suplementação oral de vitamina, como a biotina, de acordo com cada caso”, completa a dermatologista.

 

Dra. Ana Caroline Barreto é dermatologista formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e é membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). CRM: 155934

Foto: Shutterstock

TAGS
pele
unhas

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Quanto tempo costuma durar a síndrome das unhas frágeis depois do início do tratamento?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.