Raspar o cabelo com frequência pode levar à calvície?


  • +A
  • -A

A causa da calvície é de ordem genética, então fatores externos como alimentação desequilibrada e raspagem frequente do cabelo não são levados em consideração. Apesar de também acometer mulheres, a calvície é mais comum nos homens porque resulta da ação de hormônios masculinos no receptor do folículo capilar.

Contudo, a alopécia androgenética (calvície) pode ser desencadeada por meio de alguns medicamentos, como explica a dermatologista Alexandra Bononi. “Alguns remédios podem ‘deflagrar’ (ou seja, acontecer em quem tem predisposição) a calvície, tais como anabolizantes, alguns tipos de anticoncepcionais e até creatina usada em excesso”.

Como controlar a calvície?


Tendo em vista que a calvície depende de predisposição genética, conclui-se que não há nada que se possa fazer para evitar o seu aparecimento por completo. Todavia, o controle pode ser feito com bons resultados, em geral. Aos primeiros sinais de queda de cabelo, afinamento dos fios ou de regiões com menor volume, deve-se procurar ajuda médica.

“Há tratamentos tópicos e orais específicos para a calvície, mas alguns cuidados básicos não podem deixar de ser adotados. Alimentação equilibrada, manter o couro cabeludo sempre limpo (sem caspas e oleosidade), evitar usar acessórios que ‘tracionam’ demais os cabelos (bonés apertados, prender os cabelos puxando-os demais) e o excesso de químicas, são alguns exemplos”.

Outras causas para a queda de cabelo


Além da calvície, outro tipo de queda de cabelos que vale menção é o eflúvio telógeno, que compreende toda a cabeça, não apenas as áreas específicas da calvície, como as “entradas” e o topo da cabeça. Neste tipo de queda as causas são variadas (anemia, regimes restritivos, perda de peso abrupta, alterações na tireóide, carência de algumas vitaminas). “Há casos de  pacientes inicialmente com eflúvio telógeno que acabam desenvolvendo alopécia androgenética (se houver predisposição)”.

Dra. Alexandra Bononi é dermatologista formada em medicina pela Universidade Estadual Paulista (Unesp – Botucatu) e atua em São Paulo. CRM-SP: 97012

Foto: Shutterstock

TAGS
cabelos

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Raspar o cabelo com frequência pode levar à calvície?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.