Qual é a melhor maneira de fazer a higiene nasal?


  • +A
  • -A

Realizar a higiene nasal é um procedimento que não só ajuda a desentupir o nariz, como também é um importante aliado na prevenção e no tratamento de doenças que afetam as vias respiratórias. A lavagem nasal está presente na medicina indiana há mais de 5 mil anos e até hoje é encorajada pelos médicos em todo o planeta. Algumas dicas podem tornar o processo mais simples e confortável, especialmente para bebês e crianças.

 

A quantidade de soro depende da quantidade de secreção

 


“A lavagem nasal deve ser realizada com soro fisiológico 0,9% em temperatura ambiente. Pode ser spray, jato contínuo ou seringa com soro. Frascos de soro fisiológico, ao contrário dos sprays, devem ser mantidos na geladeira após abertos”, afirma a otorrinolaringologista Isabela Oliveira. Segundo a especialista, as seringas são facilmente encontradas em farmácias e lojas de equipamentos médicos e devem ser usadas por cinco dias e lavadas com água e detergente.

A quantidade de soro a ser usada depende do tamanho do adulto ou da criança, da quantidade de secreção apresentada e da tolerância ao procedimento. “Uma dica é começar com pequenos volumes de soro fisiológico, como 0,5 a 1 mililitro em cada narina para os bebês e com pouca pressão. Repita quantas vezes forem necessárias para uma limpeza adequada”, explica a médica. Os pais devem perceber o quanto é necessário para desobstruir o nariz, sem que a criança fique muito incomodada.

 

Engolir soro fisiológico durante a higiene nasal não faz mal

 


A higiene nasal deve ser feita com o indivíduo sentado ou em pé. Segundo Isabela, é preciso tomar cuidado com as crianças, que possuem a tuba auditiva mais curta e horizontal, o que facilita o refluxo de líquido para os ouvidos, principalmente se estiver deitada. A otorrinolaringologista comenta ainda que a higiene nasal com soro não é capaz de provocar otite e pneumonia e não perfura o ouvido. As complicações surgem devido ao acúmulo de secreção e ao processo infeccioso instalado.

O soro pode refluir pela mesma narina ou pela outra e pode ainda escorrer pela garganta, o que não gera nenhum risco para a saúde. “Engolir soro não faz mal algum. O que pode acontecer é a criança ficar nauseada por engolir o soro, mas até mesmo o próprio excesso de secreção e tosse podem desencadear vômito“, diz a profissional.

 

Dra. Isabela Oliveira é otorrinolaringologista formada pela Universidade Federal do Paraná e atua em Curitiba (PR). CRM-PR: 29507

 

Foto: Shutterstock

TAGS
gripe
respiracao

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Qual é a melhor maneira de fazer a higiene nasal?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.