Qual a diferença entre uma vitamina lipossolúvel e uma vitamina hidrossolúvel?


  • +A
  • -A

Todas as vitaminas são essenciais para o funcionamento adequado do organismo, mas essas substâncias se diferenciam em dois grandes grupos: As vitaminas hidrossolúveis, ou seja, solúveis em água; e as lipossolúveis, solúveis em gorduras. Cada grupo só consegue ser absorvido pelo organismo na presença dessas substâncias, seja água, ou gordura.

“Para as lipossolúveis serem absorvidas é necessário a presença também da bile e do sulco pancreático, além de lipídios. São elas as vitaminas A, D, E e K. Já as hidrossolúveis são todas as vitaminas do complexo B e a vitamina C. Estas são absorvidas pelo intestino e transportadas pelo sistema circulatório para os tecidos onde são utilizadas. Podem ser armazenadas no organismo em quantidades limitadas e a sua excreção é feita pela urina (com exceção da vitamina B12, que é retida no fígado)”, explica a nutricionista Ana Paula Moura.

 

Onde encontrar essas vitaminas na alimentação?

 


Ambos os grupos de vitaminas podem ser encontrados em alimentos de origem tanto animal quanto vegetal, de formas variadas. “As lipossolúveis são fornecidas, em geral, por alimentos de origem animal, como carnes, peixes, ovos, leite e seus derivados. No entanto, existem exceções. A vitamina K também pode ser encontrada em abundância em vegetais folhosos (espinafre, brócolis, acelga); a vitamina E nas oleaginosas, como nozes, amêndoas e castanhas; e a vitamina A nos carotenoides (cenoura, abóbora, manga, mamão)”.

Já as hidrossolúveis são encontradas, em sua maioria, nos alimentos de origem vegetal. “É importante ressaltar uma exceção: a vitamina B12 só pode ser encontrada nos alimentos de origem animal, como carnes, ovos, leites”, pontua a nutricionista.

A vitamina C, por outro lado, é associada às frutas cítricas, mas não se limita a isso. “A vitamina C é encontrada em grande quantidade nas frutas cítricas, mas também em outras frutas e legumes, em menor quantidade. Vale destacar que o calor faz com que a vitamina C seja desnaturada, perdendo suas propriedades”, completa.

 

Riscos da falta e excesso de vitaminas no organismo

 

Tanto a falta quanto o excesso de vitaminas prejudicam reações metabólicas no organismo e, por isso, a ingestão destes nutrientes deve ser feita em moderação. Como as lipossolúveis são de mais difícil excreção, costumam trazer mais problemas relacionados à sobredose. A falta de vitaminas, por outro lado, é preocupante, pois leva a uma série de doenças que podem ser graves, dependendo do grau de deficiência. Por isso, é importante conversar com um nutricionista, que pode indicar uma dieta balanceada ou até mesmo a suplementação, caso necessário, de alguma vitamina.

“A deficiência de algumas vitaminas do complexo B pode levar à queda de cabelo, unhas fracas e rachadura nos lábios, por exemplo. A deficiência grave de vitamina A pode levar à cegueira noturna. A depressão pode ser causada por uma deficiência de vitamina B12, condição pouco explorada e investigada nos consultórios. A falta desta vitamina pode ainda levar à anemia, fraqueza muscular e formigamentos em pés e mãos”, conclui a nutricionista.

 

Dra. Ana Paula Moura é nutricionista e fitoterapeuta e atende no Rio de Janeiro. CRN 95100221 – Mais informações: Site oficial / Doctoralia / Facebook

Foto: Shutterstock

TAGS
alimentacao
suplementos
vitamina-e

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Qual a diferença entre uma vitamina lipossolúvel e uma vitamina hidrossolúvel?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.